0

Após confusão em bloco, dispersão na Faria Lima ocorre sem atropelos

Tendo a PM como comissão de frente, o trecho entre a Avenida Juscelino Kubitscheck e a Rua das Fiandeiras da avenida começou a ser limpo pelos caros da prefeitura pontualmente às 19 horas, encaminhando a evacuação da via.

23 fev 2020
23h55
  • separator
  • 0
  • comentários

A dispersão no circuito Faria Lima do carnaval, que em outros anos apresentou problemas, foi tranquila na noite deste domingo. Até pelo fato de o bloco Good Crazy, organizado pelo meia Daniel Alves e pelo cantor Seu Jorge, ter tido de encerrar o desfile 1h30 antes do previsto, às 17h30, por causa de brigas entre foliões.

Tendo a PM como comissão de frente, o trecho entre a Avenida Juscelino Kubitscheck e a Rua das Fiandeiras da avenida começou a ser limpo pelos caros da prefeitura pontualmente às 19 horas, encaminhando a evacuação da via.

Pela primeira vez no Carnaval paulistano, o universitario Felipe Azevedo, de 28 anos, morador de Catanduva e em férias na cidade, ficou com gosto de quero mais. "Curto MPB. Estava curtindo muito o bloco, pena que rolou confusão", afirmou ele, que já tinha em mente onde dar continuidade à folia. "Eu e meu primo estamos indo para a Vila Madalena, disse ele, que pretendia percorrer o caminho até o metrô a pé, pela a Faria Lima.

Como Felipe, o auxiliar administrativo Francisco Gomes, de 32 anos, sua prima e duas amigas também se dirigiram ao já tradicional reduto carnavalesco da cidade após curtirem o bloco Achados em Perdizes. "É o melhor lugar para vir depois do bloco. Sempre encontro vários amigos aqui", afirmou ele.

Com ares de festa a céu aberto, o trecho da Rua Mourato Coelho, entre Aspicuelta e Inácio Pereira da Rocha, era pura animação. "Adoro a vibração deste lugar. Não dá para pensar em carnaval em São Paulo, sem dar uma passada aqui", afirmou a auxiliar de enfermagem Karina Arruda, moradora da Mooca (zona leste), que estava acompanhada de duas amigas. Fiel frequentadora do bairro e da folia paulistana, ela conta que não saiu em nenhum bloco, mas resolveu dar uma passadinha pela Vila. "Não sei até que horas vai rolar, mas enquanto rolar, vou ficando."

Veja também:

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade