0

Bolsonaro pede que STF "acorde" para exploração de reservas

18 dez 2018
19h49
atualizado às 19h52
  • separator
  • comentários

O presidente eleito Jair Bolsonaro reconheceu nesta terça-feira a dificuldade em torno de revisar o uso das reservas indígenas, mas disse esperar que em algum momento o Supremo Tribunal Federal (STF) permita a exploração dessas áreas.

Foto: José Lucena / Estadão Conteúdo

Citando especificamente a reserva Raposa Serra do Sol, em Roraima, Bolsonaro voltou a defender a integração dos povos indígenas à sociedade, afirmando que é isso que deseja para todos os índios do país.

"Quem sabe um dia o Supremo acorde para isso, né, e nos ajude a fazer com que essas reservas possam e venham a ser exploradas com responsabilidade, obviamente, em benefício do próprio povo indígena", disse Bolsonaro em transmissão ao vivo em uma rede social.

Na segunda-feira, ao discursar em evento na Baixada Fluminense o presidente eleito reiterou o desejo de repensar a demarcação de terras indígenas no país e voltou a falar na possibilidade de exploração racional da reserva Raposa Serra do Sol, um tema recorrente desde a campanha eleitoral.

"Área mais rica do mundo. Você tem como explorar de forma racional. E no lado do índio dando royalties e integrando o índio à sociedade", disse.

Índios em Campo Novo do Parecis
 26/4/2018    REUTERS/Ueslei Marcelino
Índios em Campo Novo do Parecis 26/4/2018 REUTERS/Ueslei Marcelino
Foto: Reuters
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • comentários
publicidade