- Anuncie
- Assine

   
 
Cinema // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Apenas um rostinho bonito?
Carla Bruni fará sua estreia nas telonas em um filme de Woody Allen, rodado em Paris. A polêmica seria a fraca atuação da primeira-dama francesa diante das câmeras

Bruna Narcizo

Foto Southern-Press
Foto Southern-Press

A estreia de Carla Bruni nas telas do cinema tem dado o que falar. A escalação da primeira-dama francesa para atuar no novo filme de Woody Allen, Midnight in Paris, causou um burburinho entre os franceses e a modelo não poderia ter ficado mais feliz com o convite: “Não posso perder uma chance como essa. Quando for avó, gostaria de ter feito um filme com Woody Allen”, disse.
O problema é que, com o início das gravações, o diretor não estaria muito satisfeito com a atuação de Carla. O jornal Daily News, de Nova York, publicou que ela tem tido dificuldade para interpretar. Uma das cenas teve que ser refeita 35 vezes porque, segundo testemunhas, ela não conseguia parar de olhar diretamente para a câmera. O detalhe é que não havia diálogo: Carla só tinha que entrar e sair de uma padaria carregando uma baguete.
Woody Allen teria ficado incomodado, principalmente, depois que Nicolas Sarkozy, presidente da França e marido de Carla, chegou ao set para acompanhar as filmagens. Mesmo assim, ele não perdeu a paciência e manteve a cordialidade. Resta saber se a presença de Sarkozy, e dos muitos seguranças, colaborou para essa educação toda.

 

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS