- Anuncie
- Assine

 
 
 
Bastidores // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Em nome da moda
Sob o comando de Jorge Fernando, gravações de Ti-Ti-Ti agitam a avenida Paulista em plena noite de domingo, com direito a estrelas da tevê desfilando elegância

Bruno Deminco / fotos Marcelo Navarro/Ag. IstoÉ

Acima, Guilhermina Guinle e o novo visual, com figurino monocromático e corte de cabelo inspirado no de Rihanna; à esq., Cláudia Raia e Betty Gofman nos bastidores; à dir., Alexandre Borges em cena; abaixo, o autor de Passione, Silvio de Abreu, e o diretor de Ti-ti-ti, Jorge Fernando

As portas do Conjunto Nacional, na avenida Paulista, em São Paulo, estavam prestes a fechar na noite do domingo 30, mas a aglomeração de pessoas ao redor de uma livraria era intensa. O que diferenciava aquela movimentação de uma cena do dia a dia da cidade era visível: o tradicional charme paulistano estava mais acentuado nos looks daquelas pessoas. Os figurantes que esperavam pelo início das gravações de Ti-Ti-Ti, que estreia em julho na Globo, possibilitaram um verdadeiro desfile de moda. Eram casacos e vestidos de paetês, bolsas extravagantes e botas, muitas botas. O figurino da trama, criado por Marília Carneiro, promete roubar a cena. Outro traço que deve chamar a atenção do público é o humor. As dezenas de mulheres altas e magras e os belos rapazes que estavam ali para a gravação atendiam prontamente o comando do diretor Jorge Fernando, especialista em comédias.

Dentro do café da livraria, o clima era de descontração. Entre os atores, gente como Alexandre Borges, Guilhermina Guinle e Fernanda Souza aguardavam sua vez de gravar. Cláudia Raia fazia um alongamento nas pernas enquanto conversava com Silvio de Abreu, padrinho de seu casamento com Edson Celulari. O autor de Passione aceitou o convite para participar da cena de lançamento do livro de Stela (Mila Moreira), uma espécie de Glória Kalil da trama. “Vá lá e arrase”, disparou Cláudia quando o escritor foi chamado pela produção. A atriz está feliz com mais uma parceria com o amigo de cena, Alexandre Borges. “Já fizemos par romântico umas seis vezes. Temos muita química”, alegra-se. Ela interpreta uma ex-roqueira desajustada, mas que, com seu bom gosto, vai ajudar o estilista Jacques Leclair a ganhar prestígio social. Para interpretar Jacqueline Mendonça, ela se inspirou na top Kate Moss. “Ela só veste o que ela quer e está sempre o máximo”, destaca.

Pela primeira vez, Guilhermina Guinle trabalha na mesma novela que o namorado, Murilo Benício. Mas sua personagem, Luísa, dona de uma agência de modelos, deve contracenar poucas vezes com o ator na nova versão de Ti-Ti-Ti. Na trama, ela será uma mulher de “trinta e muitos anos”, que vai ter um caso mal resolvido com um rapaz mais jovem (Caio Castro).

Guilhermina está feliz com a escolha de seu figurino para a trama. “Não vão me deixar com cara de jovem senhora dessa vez”, ri. Luísa abusa de looks monocromáticos e tons neutros, como branco, preto, bege e cinza. “Estou usando menos cores e estampas no meu dia a dia. Gosto de cortes largos. Nada muito justo ou apertado”, enumera. A atriz também apostou em um cabelo bem radical, inspirado na cantora pop Rihanna. Quem assinou o corte foi o hair stylist Wanderlei Nunes, que cuida das madeixas da loira há quase 18 anos. Raspado à máquina nas laterais, mas com uma franja coringa, Guilhermina enumera as possibilidades de seu novo visual: “Posso prender com presilhas e deixá-lo mais moderno como também posso soltar a franja e deixá-lo mais clássico”.

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS