- Anuncie
- Assine

 
 
 
Diversão & Arte // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Tevê
Uma invasão dos anos 80

Aina Pinto

 

ABC/ BOB DAMICO
Elenco da série tem Elizabeth Mitchell, de Lost (de camisa branca, à frente), e a brasileira Morena Baccarin (de vestido)

 

MAIS UM DIA NORMAL na vida dos americanos. Há gente com planos de casamento, um adolescente que faz bobagem e deixa a mãe preocupada, um jornalista dando as notícias da manhã. De repente, tudo começa a tremer e se descobre uma nave espacial flutuando sobre a cidade. V, estreia do Warner na terça-feira 6, às 22h, recorre logo no primeiro episódio ao clássico "tudo parece normal até que algo insuspeito acontece".

A série, remake de uma produção dos anos 80, segue a linha tradicional de ficção científica, com alguns sustos, acontecimentos inimagináveis e um clima trash. Após a chegada na nave, ao estilo Independence Day, Anna (a brasileira Morena Baccarin), sedutora líder dos alienígenas, anuncia que vieram em paz. Em troca de água e minerais, eles pretendem ceder conhecimentos tecnológicos. A multidão aplaude. Nos subterrâneos, no entanto, começa uma movimentação contrária aos aliens. Essas pessoas sabem que a intenção deles é destruir o planeta. A agente do FBI Erica (Elizabeth Mitchell, de Lost) vai descobrir que eles estão certos.

Em comparação às atuais séries de sci-fi, V parece ingênua, até mesmo pelo tema clássico da chegada de extraterrestres. No primeiro episódio fica claro que não haverá grandes mistérios, idas e vindas no tempo, experimentos científicos impensáveis. É como se fosse uma invasão dos anos 80. E a graça está exatamente nisso.



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS