- Anuncie
- Assine

 
 
 
Carreira // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Paixão pelo cinema
Aos 23 anos, nove após deixar a família em Paraty, Nanda Costa brilha no cinema, na tevê e em ensaios fotográficos

Poliana Costa

FOTOS André Nazareth
A atriz interpreta Soraia em Viver a Vida

Aos 14 anos, Nanda Costa deixava a família em Paraty, no litoral sul do Rio, para tentar a sorte em São Paulo, com o sonho de ser artista. À época, poucos acreditavam que a menina pudesse ter sucesso. Porém, a mãe, Patrícia, consentiu que ela partisse e fosse morar com uma tia, acreditando que na capital paulista a filha poderia, ao menos, ter uma melhor formação escolar. Hoje, aos 23 anos, Nanda faz sucesso na pele de Soraia, na novela Viver a Vida, mas seu maior orgulho foi a conquista, há cerca de dois meses, do prêmio de melhor atriz no Festival do Rio 2009 – pelo filme Sonhos Roubados, de Sandra Werneck. Um troféu conquistado com esforço, já que para encarar Jessica, uma adolescente da periferia que ganha a vida como garota de programa, ela mergulhou no submundo carioca e despiu-se de qualquer vaidade ou timidez.

Vivendo na redoma do culto à magreza, Nanda teve de conhecer de perto a realidade das periferias cariocas, quando fez uma imersão na Cidade de Deus, uma das regiões com pior indicador social da cidade. “Lá, as mulheres têm outra relação com a estética. Não estão preocupadas com a barriguinha saliente, mas sim em ter o que comer”, compara a atriz que, com 54 quilos distribuídos em 1,66m de altura, vem sendo cada vez mais solicitada para fazer ensaios sensuais. “Descobri que também tenho isso, como tenho a moleca, a tímida e a séria. Depende da ocasião”, afirma.

Discreta quanto à vida amorosa, a atriz diz que está “vivendo a vida” e curtindo um início de namoro com o estudante de sociologia Gabriel Locke, 23 anos. “Gosto quando me surpreendo comigo por alguma coisa que a pessoa me atraiu, mas ainda não sei o que é. Isso me instiga”, revelou.

Pelo corpo, a atriz carrega duas tatuagens. No pulso direito, o desenho de um deserto com uma estrela, que foi inspirado no livro O Pequeno Príncipe. “A paisagem mais linda e solitária do mundo e a minha estrela”, explicou. No pé, uma feita no ano passado, um elefante que lhe serve de lembrete: “Para ser domesticado, o filhote é preso por uma estaca para crescer sem a noção da força que tem. Tatuei para não esquecer que tenho essa força para dar mais um passo. Força, clareza e coragem”, disse a atriz, cujos próximos passos estão atrelados ao cinema. Além de aguardar as estreias de Um Homem Qualquer, no qual é protagonista ao lado do ator Eriberto Leão, e de Sonhos Roubados, a atriz tem três outros longas já engatilhados. “Quero e tenho propostas para fazer teatro, mas na hora sempre aparece o cinema e me seduz”, diz.

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS