- Anuncie
- Assine

 
 
 
Reportagens // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Visita
Madonna pela social
Menos de um ano depois de excursionar pelo país com sua turnê Sticky&Sweet, a popstar volta ao Rio para promover sua ONG de assistência a menores carentes na África

Renata Mendonça

thiago bittencourt/ag.news
Segunda-feira 9, 10h40, Rio de Janeiro: Madonna desembarca do jato Legacy 600, cedido pelo empresário Eike Batista, um dos apoiadores e principais interessados na visita da popstar ao país

Nada de show, nem de badalação. Madonna desembarcou às 10h40 da manhã da segunda-feira 9, no aeroporto Santos Dumont, no Rio, com a máxima discrição possível para uma popstar de seu quilate. Após rápida conexão em São Paulo, às 9h50, onde trocou de aeronave - deixou um voo comercial vindo de Nova York para usar o jato Legacy 600 - emprestado pelo empresário Eike Batista para os deslocamentos dela no Brasil -, Madonna seguiu para o Hotel Fasano, em Ipanema, onde ficou hospedada.

A cantora, cercada de seguranças e assistentes, embarcou em um veículo Mercedes-Benz e seguiu em comitiva escoltada por oito batedores da Polícia Militar rumo à zona sul da cidade. Junto com ela, o namorado, Jesus Luz, que chegou na véspera e a aguardava em área reservada do aeroporto. A chegada foi conturbada e os policiais, pilotando motocicletas, tiveram trabalho para abrir caminho entre os curiosos, fotógrafos e cinegrafistas que se aglomeravam no local. Uma grade de alumínio foi colocada para garantir o acesso dos veículos à garagem do hotel e impedir a invasão.

No próprio Fasano, a política entre os funcionários era de sigilo absoluto: ninguém estaria autorizado a ceder informações sobre a passagem da cantora pelo estabelecimento. Madonna e seu entourage teriam ocupado o sétimo andar inteiro do hotel. Ainda na segunda-feira, Jesus Luz deixou o local por volta das 13h30 para gravar em estúdio, ao lado de um rapper americano, na zona oeste do Rio. No final da tarde, o rapaz retornou ao hotel, mas precisou entrar pela garagem do edifício tal era a agitação na portaria.

THIAGO BITTENCOURT/AG.NEWS
Madonna chegou acompanhada de assistentes e seguranças. Encontrou Jesus Luz, o namorado, ainda no aeroporto e, de lá, seguiu para o Hotel Fasano. Por lá, a confusão foi grande entre a imprensa, curiosos e os policiais que escoltaram a comitiva. Nem Jesus Luz conseguiu retornar em paz ao hotel no final da tarde da segunda-feira 9
PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>


Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS