- Anuncie
- Assine

 
 
 
Cinema // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


COMÉDIA ROMÂNTICA
A volta por cima de Sandra Bullock
Atriz vive uma chefe tirânica que acaba na mão do assistente

O casal protagonista, Bullock e Ryan Reynolds, tem apelo cômico

QUANDO ENTROU em cartaz nos Estados Unidos, A Proposta fez mais de US$ 33 milhões no primeiro fim de semana. Foi a maior bilheteria de estreia da carreira de Sandra Bullock. O interesse pelo filme explica- se pelo apelo cômico da história e do casal protagonista - junto com a atriz, está Ryan Reynolds (Três Vezes Amor).

Ela é Margaret, uma editora de livros tirânica, e ele, Andrew, o assistente. Sob risco de ser deportada para o Canadá, ela o chantageia: se eles se casarem, ele será promovido. Ele aceita e assume o controle da relação, levando-a para conhecer a família em uma cidadezinha no Alasca. A Proposta tem muito de O Diabo Veste Prada, não apenas na postura durona de Margaret, mas em cenas como a de Andrew correndo para levar o café para a chefe. A diferença é que Margaret cede.

A mulher poderosa fica literalmente de joelhos para ser salva por um homem. Tem ainda muito humor físico, como na sequência em que Bullock aparece coberta apenas pelas próprias mãos enquanto trava uma batalha com um cachorrinho. O roteiro beira à tolice e ruma para o fim óbvio, mas os dois atores são convincentes e a comédia funciona bem. Ninguém espere por sutilezas e pensatas, porque A Proposta apenas cumpre bem o que promete: diverte.
(12 anos) Aina Pinto

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS