- Anuncie
- Assine

 
 
 
Reportagens // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Internacional
Os mais valiosos bens de Michael Jackson
Filhos do cantor estão no centro de uma disputa entre Debbie Rowe, a mãe deles, e Katherine Jackson, a avó

REUTERS / AFP / OK MAGAZINE
Fotos AFP

NO DOCUMENTÁRIO Vivendo com Michael Jackson, uma longa entrevista concedida pelo cantor a Martin Bashir em 2003, o jornalista questionou a afirmação do filho mais velho do cantor, Prince Michael I, de que não tinha mãe. "Foi um presente que ela me deu", respondeu. "Ela" é Debbie Rowe, ex-mulher do astro, mãe de Prince e Paris e que agora pretende entrar com pedido de guarda não só deles, mas também de Prince Michael II, apelidado de Blanket, de acordo com o tabloide News of the World. Terá de lutar com Katherine, mãe de Jackson, que já conseguiu a guarda provisória e foi nomeada por ele, em testamento, como guardiã das crianças.

Publicações internacionais reportam que Debbie recebeu uma casa em Beverly Hills e cerca de US$ 8 milhões para engravidar e deixar as crianças com Jackson, o que diminuiria a possibilidade de ela ficar com os filhos. Mas fotos como a da capa da revista OK, de 1997, ou das recémpublicadas pelo News of the World, mostrando-a em família, com Michael, Prince e Paris, podem mudar a situação, o que faria uma terceira pessoa entrar na briga: Diana Ross. A cantora, com quem Jackson morou quando criança, também foi citada por ele em testamento. Se Katherine não pudesse ficar com os meninos, eles deveriam viver com Diana. O jornal reproduz uma conversa que a cantora teve com um amigo sobre Debbie. "Prometi a Michael que nunca permitiria que aquela mulher - nós nunca mencionamos o nome dela - ficasse com os filhos dele", teria dito. "Ele me implorou para não deixá-la com eles. Este era o seu pior pesadelo." O site TMZ publicou que os três pediram para ficar com a avó.

O último show

O velório de Michael Jackson estava marcado para a terça-feira 6, no Staples Center, em Los Angeles. O local, onde ele fez o último ensaio, tem 17 mil lugares e ingressos seriam distribuídos. Mais de um 1,5 milhão de pessoas se cadastraram para o sorteio, o mesmo número de fãs que era esperado nas ruas em torno do estádio. A cerimônia, com shows e homenagens, seria transmitida por várias emissoras do mundo.

O cantor teve uma parada cardíaca e morreu em 25 de junho, aos 50 anos. O Los Angeles Times publicou que a polícia encontrou Propofol, um sedativo usado para anestesia geral, na casa do cantor e agora investiga quem foi o responsável por prescrever o medicamento.

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS