- Anuncie
- Assine

 
 
 
Moda // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Fashion Rio
O astro
Bronzeado e mais forte, Rodrigo Santoro causa furor na passarela da Redley e encerra a semana de moda carioca

Tatiana Ferreira

"Desfilar é sempre uma aventura. Fico ansioso", disse, antes do desfile

BRONZEADO E COM UMA CAMISETA que o deixava com os braços sarados de fora, Rodrigo Santoro levou o público ao delírio ao entrar na passarela da Redley, no Píer Mauá, na noite da quarta-feira 10. A apresentação marcou o encerramento da 15ª edição do Fashion Rio. Entre gritinhos e aplausos, os convidados, em especial as mulheres, faziam de tudo para chamar a atenção do ator que parecia deslizar na passarela improvisada na área externa do Cais do Porto. O desfile previsto para as 21h45, começou com quase uma hora de atraso, mas o público esperou pacientemente uma das atrações mais aguardadas do evento. Cada convidado tentava dar um jeito de encontrar o melhor ângulo para ver o bonitão passar. Rodrigo fez uma única entrada e foi o último modelo a subir à passarela.

Pouco antes das 19h, já se ouvia o burburinho de pessoas aglomeradas na porta do camarim exclusivo do ator. O galã, porém, só chegou ao Píer às 21h e, para evitar tumulto, entrou pela porta dos fundos do backstage. Momentos antes do desfile, Rodrigo concedeu uma rápida entrevista. Com bom humor, Santoro brincou sobre o paredão formado por jornalistas à sua frente. "Estou com colete a prova de balas, vamos lá", disse. Indagado sobre suas preferências femininas, ele disse que preferia falar do "ser humano" e se resumiu a responder sobre o desfile e trabalho. Rodrigo, que já tem experiência como modelo, contou que o frio na barriga era inevitável. "Desfilar é sempre uma aventura. Fico ansioso, ainda mais porque essa passarela é supercomprida. Espero que sejam 150 metros rasos, sem obstáculos", brincou. "Vou fazer o carão que eu tenho, não sei fazer de outro jeito. Desfilar para mim é caminhar."

O ator contou que passará um bom tempo no Brasil trabalhando na captação de recursos para seu próximo filme, Heleno, que vai contar a história do craque de futebol Heleno de Freitas. Sobre o seriado americano Lost, disse que não existe nada programado para a sua volta. "Estou mais 'lost' do que qualquer outra coisa", comparou.

Fotos CARLOS ZAMBROTTI/AG.NEWS

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS