- Anuncie
- Assine

 
 
 
Trajetória // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Determinação oriental
Geovanna Tominaga comemora o sucesso no Video Show, diz que aprendeu com o avô japonês a ser esforçada e conta que faz campanha para o namorado paulista se mudar para o Rio

texto Renata Mendonça

Divulgação
"Colho os frutos de tudo o que já plantei", diz Geovanna, que estreou na televisão aos 12 anos como assistente de palco da apresentadora Angélica

Quando era pequena, Geovanna Tominaga costumava ouvir atenta os ensinamentos do avô japonês, Shigo. Nascido e criado no Japão, o patriarca reunia os netos para passar adiante as tradições de sua cultura. Com a morte de Shigo, os costumes orientais ficaram um pouco esquecidos na família, mas uma das netas utiliza como mantra a palavra aprendida ainda na infância: gambatê, que significa "se esforce, dê o seu máximo." Foi com a disciplina e persistência típicas dos japoneses que Geovanna conseguiu conquistar seu espaço na televisão e tornar-se uma das apresentadoras do programa Vídeo Show. "Considero isso uma promoção na minha carreira", comemora a paulista de 29 anos.

A princípio, a sansei - que além de ter ascendência japonesa, também descende de italianos e índios - havia sido chamada apenas para fazer algumas reportagens no programa. Mas seu desempenho agradou tanto que ela acabou sendo escalada para dividir a bancada com André Marques, Luigi Baricelli e Fiorella Matheis.
"Levei um susto. Sinceramente, não esperava", conta ela, que vivia em São José dos Campos e acaba de se transferir para um flat na Barra da Tijuca, no Rio.

Geovanna deixou para trás a família e o namorado, Jonas Almeida, que dividia com ela a função de apresentador do programa Vanguarda Mix, exibido pela afiliada da Rede Globo em São José. "A gente torce muito um pelo outro e sabemos que agora é o meu momento. Nos amamos muito e tudo vai dar certo", acredita ela. "O Jonas me deu um urso Puff gigante para não me sentir sozinha, mas o bom mesmo seria tê-lo ao meu lado", derrete-se. O casal, que namora há um ano e oito meses, faz planos de casamento. "Estou na campanha para ele vir morar no Rio."

Antes de garantir o seu posto na estrelada bancada, ela já traçava seu caminho na tevê. Aos 12 anos, estreou como assistente de palco de Angélica, no programa Clube da Criança, exibido pela extinta TV Manchete, e também trabalhou com a loura no SBT e na Rede Globo. Em 1999, iniciou a carreira de atriz e fez participações em Malhação e na novela Sabor da Paixão. "Agora não me vejo mais atuando. Estou 100% focada no programa", diz a apresentadora, que estudou jornalismo. Em 2008, quando foi aprovada no teste para o Video Show, ela apresentava os desenhos animados da TV Globinho.

Com a nova rotina, tem sobrado pouco tempo para a dança, uma das paixões de Geovanna, formada em balé clássico. Para manter seus 52 quilos bem distribuídos em 1,60 m, ela acaba de se matricular numa academia de ginástica para fazer musculação quando a agenda permitir. "Tenho trabalhado muito, mas estou feliz, pois sempre busquei esse objetivo na minha vida. Me sinto realizada e colho os frutos de tudo o que já plantei", diz.

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS