- Anuncie
- Assine

 
 
 
Música // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 







POP
It's Not Me, It's You
A inglesa Lily Allen migra do ska para o electro-pop em ótimo segundo disco

Foto: DIVULGAÇÃO
Lily Allen preserva o tom autobiográfico do primeiro CD

PROJETADA NA VOLÁTIL cena inglesa em 2006 com o álbum Alright, Still, voltado para o ska e paras letras confessionais de tom adolescente, Lily Allen cresce e aparece em seu estupendo segundo disco, It's Not Me, It's You, lançado mundialmente na segunda-feira 9. Como o irresistível single "The Fear" já sinalizara, a cantora migra para o electropop guiada pelo produtor Greg Kurstin, da banda The Bird and the Bee. Dançante, mas não repetitivo, o álbum roça o pop perfeito em faixas como "Not Fair", espécie de country estilizado. Melodias e refrões sustentam o interesse pelo CD ao longo das 12 faixas inéditas. Difícil ficar indiferente à pegada de músicas como "Who'd Have Known", "Never Gonna Happen" e "Chinese".

It's Not Me, It's You é muito mais pop e eletrônico do que seu antecessor. Contudo, sintetizadores são usados com equilíbrio. E há até uma grande balada, "I Could Say". O que não muda de um disco para o outro é o tom autobiográfico juvenil. As letras parecem posts escritos por Allen num blog. Em "Back to the Start", faixa de beats acelerados, ela esboça reconciliação com uma irmã com quem não se dá. Em "Fuck You", cujo timbre delicado remete ligeiramente ao som do duo norte-americano The Carpenters, ela destila sua ira contra o ex-presidente dos EUA, George W. Bush. Enfim, um grande álbum que desponta desde já como um dos melhores de 2009.
Mauro Ferreira


Copyright © 2008 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS