- Anuncie
- Assine

 
 
 
Estilo // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 







Casa
Chiara Gadaleta, moderna até em casa
O jeito de viver da stylist, modelo e artista plástica reverenciada por dez entre dez fashionistas do eixo Rio-São Paulo

POR SILVIANE NENO E BIANCA ZARAMELLA FOTOS JUCA RODRIGUES/ AG. ISTOÉ


O carrinho de ferramentas da marca alemã Blue Point saiu direto da garagem para a sala. O tanque era de uma moto de Daniel. "Vou pendurar na parede logo, logo..." promete Chiara
A coleção de capacetes vintage de Daniel repousa sobre as pilhas de livros de arte e fotografias do casal

O quadro no hall de entrada do apartamento é obra de Gianluca, o filho de doze anos. Não parece coisa de artista?!

No quarto do casal o varão indiano ganha tecidos novos de tempos em tempos. O de oncinha é da Cinerama na 25 de Março "Quando tenho tempo, adoro garimpar coisas diferentes por lá..."

Num amplo apartamento de 285 metros quadrados em São Paulo vive uma família alegre e colorida. Como convêm a uma casa de gente criativa, o lar-doce-lar da estilista e designer Chiara Gadaleta e do fotógrafo Daniel Klajmic é cheio de vida, informação, fotografias, moda e arte.

Eles estão juntos há cinco anos. Mas desde a chegada de Laila, a filha de quatro anos, a dupla sentiu necessidade de mudar para um lugar maior. Assim, o apartamento no bairro dos Jardins, região nobre da cidade, parecia ideal. Como estava em ótimas condições, não houve reforma. Numa manhã de sol, um caminhão desses bem grandes estacionou em frente ao prédio de concreto e vidro. As caixas traziam a história de um casal que já viveu em endereços muito diferentes em algumas cidades do mundo. Chiara nasceu na Itália, estudou e trabalhou em Paris e mora em São Paulo há dez anos. Daniel é a encarnação do personagem pé-naestrada, sempre on the road, como os beatniks do tempo de Jack Kerouac. Se pudesse, viveria sob duas rodas caso em cima delas coubesse toda a família.

Juntos, eles carregam uma bagagem cosmopolita, digamos assim, e eclética, muita eclética. Os dois têm uma adorável mania: guardam tudo. Papéis, bilhetes, fotos antigas, tecidos, brinquedos, capacetes, peças de moto... Sim, Daniel adora carros e motos e já foi capaz de estacionar uma na sala. Desespero Chiara? "Nada, adoro!"

A decoração do apartamento segue uma única lógica: a da liberdade. Juntos, eles foram montando os ambientes como um jogo de lego. Os objetos vão mudando de lugar no ritmo da algazarra de Laila e de Gianluca, o filho mais velho de Chiara, de doze anos. É dele, o garoto, a obra-prima que enfeita a entrada do apartamento. A silhueta do autorretrato feita na escola é capaz de confundir um visitante desavisado. Chiara trata de esclarecer, depois dos elogios seguidos de curiosidade sobre a autoria da obra: "É do meu filho. Bonita não?"

PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>

Copyright © 2008 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS