- Anuncie
- Assine

 
 
 
Reportagens // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 







Aniversário
Mick Jagger aposentado
Líder dos Rolling Stones completa 65 anos e passa a receber pensão do governo britânico

TEXTO BRUNO DEMINCO

Mick Jagger não pára de trabalhar e está produzindo dois filmes

O vocalista dos Rolling Stones, Mick Jagger, agora recebe semanalmente do governo britânico 91 libras (o equivalente a R$ 285), valor referente a sua aposentadoria por direito legal. Isso acontece porque no sábado 26, o cantor completou 65 anos.

Porém, mesmo com a chegada da idade, o roqueiro está longe de parar de trabalhar. Sua fortuna, estimada em 225 milhões de dólares, pode ficar ainda maior e, com certeza, não será por causa da magra pensão que recebe do governo britânico.

Jagger, que recentemente produziu e estrelou o documentário Shine a Light, com direção de Martin Scorsese, tomou gosto pelo cinema. Ele está à frente da produção de dois filmes, a comédia dramática The Women, com Meg Ryan, e Ruby Tuesday, uma animação com canções dos Rolling Stones. Além disso, os jornais insistem em publicar que o grupo prepara uma nova turnê. A última, com direito a show gratuito nas areias da praia de Copacabana, no Rio, foi a mais lucrativa da banda. De acordo com o produtor Michael Cohl, A Bigger Bang arrecadou cerca de 558 milhões de dólares entre 2005 e 2007.


Copyright © 2008 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS