Especial • Home• Revista 10/3/2008
DIA DA MULHER
Dilma Rousseff
Pré-candidata à sucessão presidencial e uma das figuras mais importantes do governo lula, a ministra da casa civil é famosa pelo pulso firme e pelas cobranças de eficiência

WELISON CALANDRIA
A ministra emagreceu dez quilos e lamenta a falta de tempo para ir ao cinema
Ivete Sangalo
Ana Maria Braga
Silvia Lagnado
Eliana Tranchesi
Gisele Bündchen
Solange Vieira
Ellen Gracie
Chieko Aoki
Viviane Senna

A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, deixou de lado velhos hábitos para vestir o figurino de pré-candidata à sucessão presidencial em 2010. Até o ano passado, costumava ler de dois a três livros por semana. Agora tem se dedicado mais a cuidar da imagem. Reforçou as caminhadas pela manhã perto de sua casa no Lago Sul de Brasília e intensificou as idas à academia, na qual começou a fazer exercícios de pilates. Desde novembro do ano passado, Dilma se recupera de uma diverticulite (inflamação nos divertículos) e teve de se submeter a uma dieta rigorosa. Já emagreceu dez quilos nos últimos meses. Famosa pelo pulso firme e pelas cobranças de eficiência aos subordinados e aos colegas, tem usado ternos mais claros, a fim de transparecer um semblante de mais leveza e simpatia. Com os cabelos rebeldes, freqüenta o salão de beleza Metamorphose, pelo menos três vezes na semana, para fazer escova e também as unhas com a cabeleireira Tian.

Mesmo com menos tempo, a intelectual de boa cepa, a ex-aluna do Colégio Sion de Belo Horizonte, continua amiga dos livros. Gosta de história e mantém a paixão pelo russo Dostoievski. Leu toda a obra do grande autor de Crime e Castigo nos anos de prisão e a relê sempre que possível. Lamenta o pouco tempo que tem para ir ao cinema, mas tenta manter-se atualizada com a compra de DVDs. Aos 60 anos, Dilma lembra que na infância em Uberaba adorava circo e sonhou ser bailarina. Por isso mesmo, sentou-se na primeira fila quando o Cirque du Soleil se apresentou em Brasília. Nos fins de semana de folga, ou visita a mãe em Belo Horizonte ou faz um afago na filha em Porto Alegre. Com dois casamentos desfeitos, seu xodó é Nego, como é chamado o cachorro labrador de pêlos negros que herdou do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu. (OCTÁVIO COSTA)