Making of • Home• Revista 10/3/2008
Versátil Daniele
A atriz e apresentadora Daniele Suzuki, que coleciona aventuras no comando do programa Tribos, revela que está solteira e se prepara para a nova novela da rede globo

TEXTO THAÍS BOTELHO FOTOS ROGÉRIO LACANNA

À frente do programa Tribos, do canal pago Multishow, a atriz Daniele Suzuki já provou que versatilidade é uma de suas qualidades. Em três temporadas no comando da atração, ela já pulou de pára-quedas, criou uma horta orgânica em casa e se identificou com um grupo de adoradores de cães. Dona de duas fêmeas da raça basset dashound, Margarida e sua filha Pimenta, a atriz mostra-se superprotetora. A prova está registrada no filme do parto de sua cadela no início de fevereiro. Diante do sofrimento de um dos filhotes, ela não hesitou em fazer respiração boca a boca para salvá-lo. “Não senti nojo. Posso mostrar, filmei tudo”, garante, aos risos.

O comando do programa tem sido uma verdadeira aventura para a atriz. Toda semana, Daniele viaja para lugares diferentes em busca de personagens para a atração. “Adoro a idéia de conhecer pessoas e descobrir novidades”, diz. Circular por diferentes tribos, porém, já lhe rendeu algumas saias-justas. Uma delas foi durante a gravação com a tribo dos emos. “Me surpreendi quando uma das garotas do grupo, bissexual, me pediu um beijo na boca”, relembra, espantada. “Claro que não rolou nem apareceu na gravação, mas foi constrangedor.”

Daniele, que participou de Malhação e atuou nas novelas Bang Bang e Pé na Jaca, da Rede Globo, esteve recentemente em São Paulo para uma sessão de fotos no estúdio do fotógrafo Jairo Goldflus. A atriz e apresentadora chegou por volta das 11 horas para encarar o novo desafio e, com o jogo de cintura, virou modelo por um dia. Ao entrar no local, ela foi direito dar uma espiada nas roupas que iria vestir e aprovou a produção da campanha de outono/inverno da grife DOCT.


No estúdio do fotógrafo Jairo Goldflus, em São Paulo, Daniele Suzuki posa para a campanha de inverno da grife DOCT

Antes da sessão de fotos de seis horas, ela sentou-se confortável com seu portátil Macbook no camarim. Enquanto recebia cuidados de cabeleireiro e maquiador, a atriz, que mora no Rio, aproveitou para checar e-mails e resolver pendências de trabalho. “Não consigo viajar sem meu computador. Entre um trabalho e outro, decoro textos e converso com quem preciso”, contou ela. Mesmo concentrada, Daniele acompanhava atentamente os passos dos profissionais que a atendiam. “Ai, será que eu mesma posso passar a chapinha na franja? Conheço bem esses fiozinhos”, pediu com jeitinho.

Vaidosa, a atriz se diz consumista apenas quando o assunto é maquiagem. Sua maior perdição são os estojos de blush. Ela carrega pelo menos três marcas diferentes na bolsa. “Posso estar sem batom e rímel, mas sempre passo blush”, revela. Quanto ao guarda-roupa, a apresentadora prefere calças e camisetas básicas e mais largas. Um corte de cabelo, porém, é um convite a mudanças no estilo. “Pode parecer estranho, mas acredito que quando estou com um corte moderno, como um chanel mais curto que usei, preciso estar mais arrumadinha”, explicou. Durante a longa sessão de fotos, Daniele vestiu 15 looks e mostrou disposição de sobra entre pulos e rodopios sugeridos pelo fotógrafo. “Fui bailarina, né? Adoro tudo isso.

” Satisfeita com o resultado, Daniele embarcou para o Rio, onde iniciaria as gravações da nova novela das seis da Rede Globo, Ciranda de Pedra. Recém-separada do engenheiro Marcos Moraes, com quem namorou por seis meses, Daniele tem mergulhado no trabalho. “Terminamos há alguns dias, mas continuamos muito amigos”, desconversa.