Música • Home• Revista 6/2/2008
The Traveling Wilburys
Rock como diversão
Edição tripla reúne legado do supergrupo formado há 20 anos por Bob Dylan e George Harrison

Mauro Ferreira

Envie esta matéria para um amigo
Bob Dylan: ao lado de George Harrison e Roy Orbison, ele gravou dois discos que entraram para a história

Em 1988, Bob Dylan, George Harrison (1943– 2001) e Roy Orbison (1936–1988) se reuniram com outros grandes músicos com o pretexto de gravar a música “Handle with Care” para o lado B de um single de Harrison. Nascia naquele ano, pelo simples prazer de fazer música, o supergrupo The Traveling Wilburys. Sob pseudônimos que os apresentavam como irmãos, os astros assinaram a tal música e gravaram dois álbuns. Vinte anos depois da criação da banda, que se dissolveria em 1990 com o lançamento do segundo disco, o legado da turma é reunido no combo triplo The Traveling Wilburys Collection, que reapresenta os dois álbuns do grupo – acrescidos de faixas-bônus – e um DVD com cinco clipes e documentário de 24 minutos sobre a criação do primeiro disco.

A morte de Orbison, em 1988, antes da gravação do segundo disco, apressou o fim do trio. Contudo, apesar do curto período de atividade, os Wilburys adquiriram aura lendária. Como seus dois álbuns estavam fora de catálogo há dez anos, a coleção editada pela gravadora Rhino adquire valioso caráter documental. Não tanto pelas gravações inéditas, “Maxine” e “Like a Ship”, mas por disponibilizar para novas gerações o som de um grupo que soube entender que o rock, afinal, é, antes de tudo, diversão. E os Wilburys se divertiram a ponto de batizar seu segundo álbum com o jocoso título The Traveling Wilburys Vol. 3. Já estão na história.

Leia também

Cinema
Exposição
Música
Livros
Teatro
Internet
Televisão
Gastronomia