Moda • Home• Revista 29/1/2008
Alta-costura
Luxo e sofisticação garantiram o espetáculo na semana de alta moda em Paris, que teve como destaque o último desfile de Valentino

Por Bianca Zaramella

Envie esta matéria para um amigo
O estilista John Galliano estampou de leopardo o vestido volumoso criado para a maison Dior

Valentino despediu-se da moda. Depois de 45 anos de carreira, o estilista italiano apresentou sua última coleção de alta-costura no museu Rodin, em Paris, na temporada de Primavera/Verão 2008. Na passarela cerca de 75 looks com o que ele sabe fazer de melhor: elegantes vestidos com estampas florais, cabelos inspirados na corte francesa e um belo final com vestidos longos na cor que melhor define a sua elegância: vermelho.

A semana de moda francesa também revelou a opulência e o luxo dos modelos de John Galliano para a Dior, inspirados no famoso quadro O Beijo, de Gustav Klimt. O estilista Giorgio Armani acertou na escolha de linhas puras e leves para sua coleção Privé e valorizou ainda mais seus elegantes vestidos com bordados sofisticadíssimos, dignos de tapete vermelho.

O Centre Pompidou foi o palco para a apresentação das vaporosas mulheres de Christian Lacroix, em uma coleção repleta de decotes profundos e volumosas saias florais. Para finalizar, na contramão de todo exagero, Karl Lagerfeld com a clássica proposta de Chanel. Suas modelos exibiram os tradicionais casacos e vestidos de Mademoiselle sem grande ostentação e sapatilhas nos pés. Mais uma vez o kaiser na moda francesa conseguiu provar que mesmo na altacostura, a elegância pode estar na simplicidade.

 

 

FENDAS E RECORTES
Em seu desfile de despedida, o italiano Valentino (1) esbanjou maestria e cortes impecáveis como no tomara-que-caia colorido. O estilista Elie Saab apostou em vestidos longos em tons pastel e com fendas provocantes (2). Requinte e linhas leves na coleção Privé de Giorgio Armani (3)

PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>