Quem vai brilhar em 2008 • Home• Revista 2/1/2008
Mônica Martelli
Depois do sucesso no teatro,atriz vive seu primeiro grande personagem na tevê, na próxima novela das sete, Beleza pura

Aina Pinto

LUCIANA WHITAKERMônica Martelli já ficou sem dinheiro, vestiu-se de tartaruga em programa infantil, nunca passou em teste nem para fazer comercial. “Sou a pessoa que mais fez videobook no mundo, sem nunca terem sido aproveitados”, diz. Até que, há dois anos e meio, escreveu e montou Os Homens São de Marte... E É pra Lá que Eu Vou. Os perrengues ficaram para trás, e ela faz sucesso ainda hoje com o espetáculo. Mas, a partir de 2008, ela não apresentará mais a peça em eventos de empresas, o que vinha fazendo de duas a três vezes por semana. Não que o negócio tenha começado a degringolar. É que Mônica estará ocupada com outro trabalho: as gravações de Beleza Pura, próxima novela das 19h da Globo, com estréia em fevereiro.

A atriz nem precisou levar seu videobook e fazer teste. Foi convidada pelo diretor Rogério Gomes para integrar o elenco. Ela seria Susi, uma perua atrapalhada. Depois, foi chamada para viver Helena, substituindo Dira Paes, que está grávida. A personagem tem um filho com problemas de saúde e, depois que o marido morre, veste-se de homem para trabalhar.

Mônica havia feito tevê antes, com pequenos papéis em novelas e participação no Zorra Total. “Considero que agora é uma estréia, porque este trabalho é um passo a mais, depois de muita ralação”, diz. Ela também escreve o livro com o roteiro da peça, que continuará em cartaz em São Paulo, será apresentada em Portugal e virará filme. “Se eu conseguir fazer isso tudo, vou estar bombada este ano”, diverte-se.