Clique para ver a capa ampliada

EDIÇÃO 93
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 ENSAIO FOTOGRÁFICO
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 AGITO
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 CLICK
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 IMAGENS DA SEMANA
 INTERNACIONAIS
 INTERNET
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 TRIBUTO
 URGENTE
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA
 

14/05/2001

CINEMA

ISABEL GUÉRON
Simplesmente nua
A atriz estréia na adaptação de Bufo & Spalanzani para o cinema e atua sem roupa durante quase todo o filme

Alessandro Giannini, do Recife

Edu Lopes

É quase uma hora de exposição na tela. Completamente nua. A carioca Isabel Guéron, 25 anos, não viu dificuldade na tarefa de viver Minolta na adaptação para o cinema de Bufo & Spalanzani, romance homônimo do escritor Rubem Fonseca. “Na faculdade, fiz o papel de Guinevere numa montagem de Merlin e havia a indicação de nudez em uma cena”, contou. “Encarei com naturalidade, embora soubesse que o súbito interesse de todo o pessoal da manutenção da escola não tivesse nada a ver com a peça.”

Doze anos depois da peça na faculdade, a nudez de Isabel será vista em massa. No filme, com estréia prevista para o dia 31 de agosto, seu papel é de uma típica “hiponga” dos anos 70, solícita e desinteressada. A personagem contracena com José Mayer, que faz papel duplo de Ivan Canabrava e Gustavo Flávio.

“Teoricamente, não tenho esse pudor do nu”, diz Isabel. “Mas há o constrangimento de ficar pelada na frente da equipe. Só não foi tão difícil porque eu conhecia o pessoal.”

Dublê de corpo de Fernanda Torres no filme Gêmeas, Isabel chamou a atenção do diretor Andrucha Waddington e do produtor Flávio Tambellini, que em Bufo & Spalanzani trocam de função. “A Bel é um rosto pouco conhecido num elenco cheio de medalhões”, avalia Tambellini. “Achei que tinha de haver um equilíbrio. Além disso, ela trabalha muito bem.”

Casada há dois anos com o cantor e compositor Rodrigo Maranhão, da banda Bajulafumenga, Isabel começou no teatro aos 13 anos. Depois, formou-se na Faculdade de Artes Cênicas da UniRio.

Na televisão, atuou na novela Andando nas Nuvens, da Globo. Mas confessa que gosta é do palco. Integrante da trupe Péssima Companhia, trabalha na montagem da peça Bugiaria, sob a direção de Moacir Chaves. Outro projeto é o curta-metragem de estréia do irmão, Rodrigo Guéron, que filmará uma história da época da ditadura. Dessa vez, sem nudez.

Comente esta matéria
 
RUNAS
VIDENTE
NUMEROLOGIA
TARÔ ONLINE
HORÓSCOPO
 
ENQUETE
Você acha que Luma agiu certo posando nua na Playboy contra a vontade do marido?
• Sim
• Não
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
O que você pensa de quem paga R$ 46.000 em um vestido ou R$10.000 em um terno?

| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ÁGUA NA BOCA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2001 Editora Três