CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA


Música

Romântico a toda prova
Ex-integrante do grupo Dominó, o ator Rodrigo Faro grava seu primeiro CD solo com composições próprias que falam de amor não correspondido

Edwin Paladino

Helcio Toth
Rodrigo Faro se prepara para a maratona de shows de lançamento de seu CD, mas sem ter ao lado a namorada Vera

Desde a época em que era vocalista do grupo Dominó, nos anos 90, o ator e cantor Rodrigo Faro tenta driblar o assédio das fãs adolescentes. Certa vez, ao acenar para um grupo de garotas na sacada de um hotel de São Paulo, avistou sua jaqueta predileta no corpo de uma jovem. Foi pedir a peça de volta e só conseguiu depois de a garota exigir uma camisa autografada. “Ela enganou os seguranças e entrou no meu quarto”, conta. Hoje, com o lançamento do primeiro disco solo, que leva seu nome, e com o sucesso do personagem Heitor, de O Cravo e a Rosa, da Rede Globo, já se prepara para novas investidas da garotada. “Com o disco, acho que o assédio aumentará. Mas eu adoro”, afirma.

O convite para a nova empreitada ocorreu no ano passado. Rodrigo estava em estúdio gravando a música “Meu Herói”, uma participação no disco Angel Hits, da cantora Angélica, quando o produtor musical Michael Sullivan, da Sony Music, improvisou: “Sua voz é ótima. Vamos gravar um CD só seu?”. Rodrigo topou. Em três meses o repertório estava pronto. Das onze canções do CD, uma é de sua autoria: "Seu Namorado". A composição conta a história de um amor não correspondido na adolescência. “É uma letra ingênua”, diz Rodrigo.

Para o restante do CD, Rodrigo buscou inspiração em grandes artistas, muitos aliás de sua discoteca pessoal, como os românticos Roberto Carlos, Djavan e Stevie Wonder. Ele quer lançar um trabalho por ano até 2005, quando termina seu contrato com a gravadora. Para isso, tem estudado violão entre uma gravação e outra da novela. “Quero tocar muito bem nos próximos trabalhos”, diz Rodrigo, que se prepara para a maratona de shows de seu primeiro trabalho depois do lançamento do CD neste mês. “Há tempos não encontrava alguém com talento”, atesta Gel Fernandes, ex-baterista do grupo Rádio Taxi, responsável pela direção musical do show. A estréia de Rodrigo como cantor romântico está prevista para setembro. Sua namorada, a modelo Vera Viel, 23 anos, não poderá estar presente. A correria do trabalho é o toque de realidade no romantismo do casal. Até outubro ela estará em Santiago, no Chile, para fotografar para um catálogo de moda.

 

Leia Também

Wanderley Luxemburgo na marca do pênalti

A fada perde brilho

Maternidade acidental

A volta da guerreira

O mestre da bola

A vez do professor

Florinda filma o Ceará

Myriam Rios e suas heranças

Entre a tela e a ribalta

Medos e desejos de Daniela Mercury

Romântico a toda prova

Bem longe de Menina Veneno

Em nome do pai

O caçador de dinossauros

Pintando no set

Engraçado por natureza

Empresária do amor

O outro lado do crime

ENQUETE
O técnico da seleção brasileira, Wanderley Luxemburgo, deve ser demitido?
Sim
Não
FÓRUM
As denúncias da ex-amante podema afetar o desempenho do técnico Luxemburgo
à frente da seleção?

EDIÇÕES
ANTERIORES

ESPECIAIS
MULTIMÍDIA
BATE PAPO
ASSINATURAS
EXPEDIENTE
PUBLICIDADE
FALE
CONOSCO
ASSINE A NEWSLETTER


| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três