CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA

por Marcelo Zanini

David Drew Zingg
Radicado no Brasil desde 1964, o fotógrafo e jornalista americano, criador do “Tio Dave”, morreu aos 76 anos

Fernando Arellano/AE
David Drew Zingg, ou Tio Dave: fotos da nudez de Leila Diniz e do concerto de João, Tom e Vinícius

Jornalista e fotógrafo americano, David Drew Zingg morreu na sexta-feira 28, em São Paulo, vítima de falência múltipla dos órgãos. Ele estava internado desde o dia 29, após sofrer uma cirurgia de próstata e ter complicações que resultaram em hemorragia digestiva, insuficiência renal e coronária. Desde então, David respirava com o auxílio de aparelhos. Nascido no estado de Nova Jersey, estudou Literatura e História na Universidade Columbia, em Nova York. David morava no Brasil desde 1964, quando deixou a mulher e os três filhos nos Estados Unidos. Ele ficou famoso por clicar celebridades como John Kennedy, Winston Churchill e Che Guevara. A famosa foto da atriz Leila Diniz, nua e grávida, também é de David. Em 1962, ele registrou o concerto de João Gilberto, Tom Jobim e Vinícius de Moraes, no Carnegie Hall, em Nova York. Foi ele quem introduziu o ensaio fotográfico nas revistas nas quais colaborou na década de 60 como Life, ISTOÉ e Veja. Em 1984, David publicou um de seus mais importantes livros Mato Grosso – Fronteiras, com imagens do Pantanal. Entre 1987 e janeiro de 2000, trabalhou na Folha de S.Paulo, onde criou o personagem Tio Dave, numa auto-referência. Era colunista do site Último Segundo.

Vilma Gontijo Alves Pinto,
mulher do cartunista Ziraldo, morreu domingo 30 de infarto enquanto dormia, aos 66 anos.

Vilma foi encontrada por um dos seus três filhos, a cenógrafa Daniela Thomas, em sua casa em Ilha Grande, Rio. Daniela costumava dizer que a mãe representava o esteio da família, de tão dedicada que era. A mineira estava casada com o cartunista há 42 anos. O corpo foi enterrado no cemitério de Ilha Grande.

Jorge Oscar de Mello Flores,
membro-fundador e presidente da Fundação Getúlio Vargas, morreu na segunda-feira 31, aos 88 anos, vítima de câncer no pulmão.

Além da FGV, o engenheiro foi diretor e conselheiro do grupo Sul América por 43 anos. Dirigiu órgãos como o Sindicato de Bancos do Estado do Rio de Janeiro. Em 1962, fundou o Instituto Brasileiro de Pesquisas e Estudos Sociais. Dez anos antes criara o Conselho das Classes Produtoras. Deixa uma filha.

Jean Magalhães Lobo Mesquita,
faixa marrom de jiu-jítsu, morreu no sábado 29 de ataque cardíaco, aos 23 anos.

O lutador cearense disputava o Campeonato Mundial de Jiu-Jítsu, no Rio, e, após levar um golpe do adversário, caiu desacordado. Mesquita foi socorrido pela equipe médica ainda no tatame, mas não resistiu e morreu ao ser atendido no Hospital do Andaraí, no Rio. O preparador físico do lutador afirmou que ele havia ingerido o remédio veterinário Potenay, utilizado em cavalos de corrida doentes ou operados. O medicamento é um complexo vitamínico que contém sulfato de mefentermina, considerado um estimulante circulatório e hipertensivo, que eleva a pressão sangüínea. O lutador tem um histórico de doenças cardíacas na família. O resultado da autópsia será divulgado dentro de um mês.

Mamoru Yamakawa,
piloto de motovelocidade, morreu domingo 30, aos 43 anos, de hemorragia interna.

O piloto japonês disputava as Oito Horas de Suzuka, prova do Campeonato Mundial de Resistência, e não conseguiu completar uma curva, batendo com sua moto a cerca de 200 km/h contra uma barreira de proteção. Depois de alguns minutos de interrupção, a corrida foi reiniciada.

 

ENQUETE
Quem é o maior ídolo do esporte no Brasil hoje?
Guga
Ronaldinho
Rubinho

EDIÇÕES
ANTERIORES

ESPECIAIS
MULTIMÍDIA
BATE PAPO
ASSINATURAS
EXPEDIENTE
PUBLICIDADE
FALE
CONOSCO
ASSINE A NEWSLETTER


| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três