CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 LUA DE MEL
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS

 BUSCA

 ASSINE O BOLETIM
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ASSINATURAS
 FALE CONOSCO
 EXPEDIENTE
 PUBLICIDADE

 

  DINHEIRO PLANETA ISTOÉ
 
  

 

Capa

Desejos de Patrícia Pillar
Atriz dá primeira entrevista após assumir namoro com o presidenciável Ciro Gomes, defende projeto de educação para o País e, com aliança de casada na mão esquerda, diz que a maternidade está chegando

Viviane Rosalem,
de Fazenda Nova (PE)

Leandro Pimentel
Patrícia, em Fazenda Nova, onde encena a Paixão de Cristo: na mão esquerda (detalhe) ela não esconde a aliança de casada

Versátil e talentosa, a atriz Patrícia Pillar, 36 anos, demonstra que está pronta para assumir qualquer papel. Inclusive o de primeira-dama. Namorada do candidato do PPS à Presidência da República, Ciro Gomes, 42 anos, ela deixa transparecer o quanto está sintonizada com as eleições de 2002. “Já tenho meu candidato”, brinca. Sem mencionar em nenhum momento o nome do político, Patrícia parece que não poupará esforços para apoiá-lo. No script para compor seu mais novo personagem, ela já incluiu um trecho muito semelhante ao de uma plataforma política. “A base de tudo é a educação e o Brasil precisa de um projeto desse tipo para ontem”, afirma, ao ser indagada sobre seu maior sonho. O presidenciável prefere não revelar se incluiu alguma sugestão de uma engajada Patrícia em seu projeto de governo, mas mostra que tem os ouvidos atentos aos palpites da namorada. “Na nossa relação, a gente conversa sobre tudo. Inclusive sobre política”, diz Ciro Gomes ao celular. Ele diz que a participação da atriz em sua campanha ainda não está definida: “Vai depender da agenda dela”. Ao que parece, nos planos da atriz há uma prioridade. Ela manifesta o desejo de ser mãe logo. “Sinto que a maternidade está chegando”, diz. “Quero ter vários filhos e acho que serei uma boa mãe.” O mais provável pai sente-se menos à vontade para levar a público o seu desejo. “Não temos planos ainda”, resume Ciro Gomes.

Na família do ex-ministro da Fazenda, sua mãe Maria José Gomes não esconde o orgulho que sente da namorada do filho, mas também é reservada para expor o desejo de ser avó de novo. “Já tenho oito netos”, diz. Três deles – Lívia, 15, Ciro, 14 e Yuri, 10 – são filhos de Ciro Gomes com a deputada estadual Patrícia Gomes. “Mas sempre cabe mais um.” Maria José aprova o namoro e acha que a nova nora daria uma ótima primeira-dama. “Ela está fazendo meu filho muito feliz.”

A gravidez é um sonho adiado na vida de Patrícia. Durante seu casamento com o músico Zé Renato, 45 anos, ex-vocalista do grupo Boca Livre, ela chegou a pensar em engravidar, mas sua vontade não se realizou. “Ela trabalhava muito, eu também e deixamos o tempo resolver a questão”, diz o ex-marido. Os dois nunca dividiram o mesmo teto durante os dez anos que durou a relação. Sem perder sua tradicional discrição, Patrícia é reticente para falar sobre um futuro casamento com Ciro Gomes. “Não quero falar disso agora”, diz. Mas em Fazenda Nova, no sertão pernambucano, onde foi encenar o espetáculo da Paixão de Cristo, de quinta-feira 13 a domingo 23, ela se deixou fotografar com uma aliança na mão esquerda. Indagado sobre a aliança da namorada, Ciro não quis dizer há quanto tempo ela usa o anel. “Isso você pergunte a ela”, desconversou ele, que não usa aliança. O cenário serviu para mais um encontro do casal. Na segunda-feira 17, depois de passar o dia visitando correligionários no interior de Pernambuco, ele fez questão de conferir, à noite, a atuação da namorada e por lá pernoitou.

 

 


Copyright 1996/2000 Editora Três