Veja também outros sites:
 
   
Moda
 

Babado
As femininas camadas em saias, tops e vestidos remetem aos
ritmos latinos e proporcionam movimento às roupas de verão

por Luciana Franca
Fotos: Murillo Constantino, Carol Feichas, Efe e Divulgação
[ Clique nas imagens para vê-las ampliadas ]

     

 

 

A latinidade está no ar. Os babados que costumam rodopiar ao
som das calientes músicas latinas saíram da pista de dança e invadiram o guarda-roupa desta temporada. Tudo muito sensual
e com bastante movimento. Saias, vestidos e blusas com aplicações de babado apareceram nas passarelas e chegaram rapidamente às ruas. A atriz Deborah Secco foi uma das primeiras a embarcar na tendência e vestiu uma saia com delicados babados da grife mineira Patachou para ir à uma festa em São Paulo. “A coleção, que foi inspirada nas bailarinas, é focada num look ultrafeminino. O babado representa isso”, explica Terezinha San-
tos, estilista e proprietária da Patachou. A sensualidade e a feminilidade também pontuaram a sofisticada coleção da Dior que, segundo Rosangela Lyra, diretora da marca no Brasil, buscou referência nas divas de Hollywood. A ousadia no desfile da grife francesa ficou por conta da sobreposição do vestido com muitos babados sobre uma segunda pele com estampa de tatuagem. Já o estilista Tom Ford provou na passarela da grife Yves Saint-Laurent que babado pode ser combinado com babado. Foi o que fez em uma criação da coleção outono/inverno 2004, quando salpicou babados no top e na saia, sem temer o exagero.