Veja também outros sites:
Home •• Revista ••• Reportagens  
Reportagens

20/10/2003

   
 
Leandro Pimentel
Ele pretende dirigir no ano que vem um filme baseado no livro Diário
de Tati
, de Heloísa Périssé e Tiza Lobo

 

Carreira - Mauro Farias
Um cineasta no teatro
O diretor de cinema estréia como dramaturgo
em peça sobre conflitos de casais inspirada
em histórias que viveu e fala do namoro com
a atriz Heloísa Périssé

Luís Edmundo Araújo

 

A cena é um clássico do cotidiano da maioria dos casais. Sábado à tarde, o homem, prestes a sair de casa para a tradicional pelada com os amigos, é obrigado a ouvir as reclamações da mulher, incapaz de entender a opção do marido em trocá-la por um jogo de futebol. Podia muito bem ser na vida real, mas está na ficção, incluída na peça Esse Cara Não Existe, que marca a estréia do cineasta Mauro Farias, 47 anos, no teatro. Peladeiro de fim de semana assumido, Mauro trocou o cinema pelo palco para dirigir e escrever, em parceria com Evandro Mesquita, uma história que não deixa de ter um certo tom de desabafo pessoal. “Com a ascensão do politicamente correto, das conquistas das minorias, só não houve discussão sobre o homem”, justifica o diretor.

Separado, pai de Paulo, 18, Helena, 14, e Raquel, 10, Mauro namora há um ano e três meses a atriz Heloísa Périssé e reconhece que viveu muitas das experiências de seu personagem. “É tudo meu, mas acabam sendo pontos em comum sobre as diferenças entre os sexos”, diz ele. Pelo menos no que se refere às peladas de fim de semana, o diretor não tem enfrentado muitos problemas. “A Heloísa reclama um pouco, mas ela é atriz e também está na peça dela todo fim de semana. Está tudo certo.” Para Heloísa, também. “Acho que sou compreensiva”, diz a atriz, que garante se esforçar para evitar problemas na rotina do casal. “Tenho minha bagunça, mas sou organizada, porque se a bagunça da casa me incomodar eu boto a boca no trombone”, brinca.

Mauro e Heloísa ensaiam um bom entrosamento também na vida profissional. O cineasta deve dirigir, no ano que vem, o filme baseado no Diário de Tati, livro de Heloísa e Tiza Lobo, sócia de Mauro, que está na lista dos mais vendidos. “Estamos captando recursos para ver se conseguimos filmar em maio”, conta o diretor, que há sete anos mantém, junto com Tiza e Silvia Fraiha, a produtora Frahia Abacaxi.

É lá que ele tem tocado projetos como seu último longa-metragem – Duas Vezes com Helena, de 2001 – e dado prosseguimento à carreira iniciada precocemente, numa atividade que nunca mais voltou a exercer. Ao lado dos irmãos Lui e Maurício, tinha 13 anos quando atuou no filme As Aventuras de Tio Maneco. Apesar de ter se divertido durante as filmagens, não gostou do que viu na tela. “Morri de vergonha. Achei aquilo o maior mico e nunca mais quis ser ator”, lembra ele, numa tentativa de justificar a decisão mantida até hoje. “Estava numa idade difícil. Talvez se tivesse experimentado ser ator mais velho saberia lidar melhor com a autocrítica, mas ali não curti. E parei.”

Sepultou a carreira de ator, mas seguiu firme atrás das câmeras. O primeiro trabalho foi em Pra Frente Brasil, de 1980, quando o pai, Roberto Farias, chamou os três filhos para auxiliá-lo, sem ganhar nada, e aprender o ofício na prática. De lá pra cá, Mauro trabalhou na televisão e, en-
tre outras coisas, fez seu primeiro longa, Não Quero Falar sobre Isso Agora, em 1990, premiado com o Kikito de
melhor filme no Festival de Gramado.

Foi a prova definitiva de que não estava na carreira apenas pelo sobrenome famoso. “O nepotismo fica assombrando. Acho que existe mesmo no meio cultural gente com a idéia de que você tem vantagens ou proteções, mas na prática isso não existe”, diz o cineasta, que também vê dificuldades na própria herança. “Você tem que ir à luta como todo mundo para produzir, e é mais cobrado. Tem que fazer sucesso.”

Comente esta matéria
 
 

Clique para vê-la ampliada
EDIÇÃO 220
ENQUETE

Você acha que o
próximo Papa deve
ser um africano?

QUEM SOU EU?

BATOM E PERSONALIDADE

DANIELLE WINITS

 BUSCA

O PARCEIRO IDEAL

RESUMO DAS NOVELAS
Saiba o que vai acontecer durante a semana na sua
novela preferida
• Fale conosco
• Expediente
• Assinaturas
• Publicidade
 
| ISTOÉ | ISTOÉ DINHEIRO | PLANETA | EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2003 Editora Três