Veja também outros sites:
Home •• Revista ••• Reportagens  
Reportagens

14/07/2003

   
 
Leandro Pimentel
‘Não sei separar
sexo de amor ’

Danielle Winits,
que ficou dois
meses sem sexo enquanto estava separada do BBB Fernando Fernandes
Leandro Pimentel
‘Na minha vida, não sou um vulcão em ebulição. Sou romântica sim, choro por amor sim, e muito, e não uso salto sete em casa ’ Danielle Winits

 

Capa - Danielle Winits
Ela não é o que parece
Estrela de Kubanacan, a atriz desmistifica a imagem de vulcão, revela-se uma mulher romântica que sonha em casar e ter filhos, nunca experimentou drogas e conta que levou sete anos para aceitar a morte do pai, num acidente de helicóptero, quando ela era criança

Clique aqui para ver o ensaio com Danielle Winits

Vivianne Cohen

 
Leandro Pimentel
“A Dani é o contrário do que sua imagem aparenta”, diz o diretor Wolf Maya, amigo da atriz há dez anos

Quem diria: a musa sexy que provoca o imaginário masculino, a dona dos seios mais comentados do País desde que foram turbinados com 235 ml de silicone, não é o que parece. Por trás da sensualidade que faz de Danielle Winits a mulher mais caliente da novela das sete, Kubanacan, bate um coração conservador. “Acho que eu engano”, ela diz. Com mais de uma década de carreira, a atriz acostumou-se a encarnar tipos voluptuosos e o faz com maestria. Mas, garante, é tudo representação. “As pessoas têm uma ilusão. Eu crio um personagem mas, na minha vida, não sou um vulcão em ebulição”, desmistifica ela. “Sou romântica sim, choro por amor sim, e muito, e não uso salto sete em casa.”

Wolf Maya, que já a dirigiu oito vezes e é seu amigo há dez anos, endossa suas palavras. “A Dani é o contrário do que sua imagem aparenta”, diz ele. E é nas questões do coração que a atriz se desvela. Nessa hora sai de cena a mulher
fatal e surge a romântica. Nos dois meses em que ficou separada de Fernando Fernandes, com quem reatou o namoro no fim de junho, a atriz dimensionou o peso do ex-Big Brother em sua vida. “O que podia ser mais interessante do que o amor que sentia por essa pessoa? Só uma nova proposta de amor que me tirasse novamente do prumo. Só isso para me tornar disponível.” Sem Fernando, Danielle encarou, pela primeira vez, uma fase solteira e, segundo ela, 60 dias sem sexo – e sem sentir falta. “Não sei separar sexo de amor”, afirma. Apesar dos comentários, negados pela atriz, de um romance com o apresentador Marcos Mion, da Band, ela voltou para os braços do ex-Big Brother com
quem já havia namorado nove meses. “Estamos juntos. Quando se vive uma história de amor, não é fácil jogar
tudo para o alto e virar a página”, afirma.

Fernando é mais cauteloso e nem usa a palavra namoro. “É uma tentativa para ver se vai dar certo de novo”, diz o ator. Desta vez, vão morar em casas separadas. Mas, se depender de Danielle, 29 anos, será por pouco tempo. “É com ele que penso em casar, ter filhos.” Fernando, 22, vai com mais calma: “Estou vivendo o momento. Não tenho planos”. Mas fala com carinho das manifestações de romantismo da atriz. Quando estreou a peça O Ateneu, em novembro passado,
no Rio, o ator ganhou um anel de ouro branco da namorada. “Ela me entregou o anel ao som da nossa música, ‘Todo o Azul do Mar’”, lembra ele, que lhe deu um anel igual no aniversário da atriz, em dezembro. O casal se conheceu numa festa em junho, logo depois do BBB3. O melhor amigo dela era o empresário dele. Na época ela namorava o ator Sérgio Marone, e eles só ficaram juntos em setembro. Com sete meses de romance, Danielle percebeu que gostaria
de ter um filho com Fernando. “Sentir amor por outras pessoas eu já senti, mas pensar em construir família,
gerar um filho, só com ele”, diz.

Danielle raramente está sozinha. Desde os 14 anos, emenda um namoro no outro. Após ter ficado até os 18 com um namorado dos tempos de colégio, viveu romances com os atores Selton Mello, Carlos Casagrande, André Segatti, Marco Mastronelli, o americano Archie Drury, Sérgio Marone e Fernando. Por isso, ganhou fama de namoradeira. “Não
queria ser diferente de ninguém. Pensava: ‘Namorei uma pessoa por dois anos, agora tô apaixonada de novo e não vou poder ir ao cinema com ela só porque vão saber?’ É uma bobagem, todo mundo namora!”, afirma ela, que diz manter uma relação cordial com os ex. “Para alguns ligo no aniversário”, conta. Um deles é Selton. Namorados por mais de dois anos, os dois cultivam um relacionamento tão bom que a atriz foi convidada pelo ator no ano passado para encenar a peça Zastrozzi, dirigida por ele.

1 | 2

Comente esta matéria
 
 

Clique para vê-la ampliada
EDIÇÃO 206
ENQUETE
O autor Manoel Carlos é acusado de manchar a imagem do Rio e pressionado a dar outro fim para Fernanda de Mulheres Apaixonadas, que será vítima de bala perdida. Você concorda com o fato de o autor não ceder à pressão e manter o destino
da personagem?
:: VOTAR ::
 
QUEM SOU EU?
 

BATOM E PERSONALIDADE

 BUSCA

RESUMO DAS NOVELAS
Saiba o que vai acontecer durante a semana na sua
novela preferida
TESTE
Você é Beijoqueiro ?
Engana-se quem pensa que beijo não define uma conquista. Descubra se você domina a arte de seduzir com os lábios!
• Fale conosco
• Expediente
• Assinaturas
• Publicidade
 
| ISTOÉ | ISTOÉ DINHEIRO | PLANETA | EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2003 Editora Três