Veja também outros sites:
Home •• Revista ••Diversão & Arte    
Diversão & arte - Cinema

12/05/2003

   
Divulgação

Carandiru: será submetido a um júri
que inclui Steven Soderbergh e Meg Ryan

 

Foco
Carandiru disputa Palma de Ouro

 
   

Para quem gosta de cinema, o Festival de Cannes é como a Copa do Mundo. E para os brasileiros cinemaníacos, não faltam motivos para torcer: são quatro representantes do País no evento que vai de 14 a 25 de maio, dois em competição e
dois em mostra paralela. As atenções estão voltadas para Carandiru, que no Brasil já levou mais de 2 milhões de pessoas aos cinemas e que concorre à Palma de Ouro. É a terceira vez que o argentino naturalizado brasileiro Hector Babenco representa o País no festival. Ele foi em 1985 com O Beijo da Mulher Aranha e em 1998 com Coração Iluminado. Disputa com gente de peso (leia quadro), como Lars von Trier, Raoul Ruiz, Bertrand Blier e Clint Eastwood.

A decisão fica nas mãos do júri formado por nove membros, entre eles os diretores Patrice Chéreau, Steven Soderbergh e Danis Tanovic e a atriz Meg Ryan. O Brasil competiu pela última vez em 2000, com Estorvo, de Ruy Guerra, e ganhou apenas uma Palma de Ouro, com O Pagador de Promessas, em 1962.

Tem brasileiro concorrendo também na categoria curta-metragem. A Janela Aberta, de Philippe Barcinski, está ao lado de outros oito filmes na competição. Na mostra paralela Quinzena dos Realizadores, que não dá prêmios, serão exibidos Filme de Amor, de Júlio Bressane, e o curta Castanho, de Eduardo Valente, que no ano passado ganhou prêmio do Cinéfondation com O Sol Alaranjado.

Os concorrentes do Festival de Cannes
Carandiru, de Hector Babenco (Brasil)

Les Invasions Barbares, de Denys Arcand (Canadá)

Purple Butterfly, de Lou Ye (China)

Dogville, de Lars von Trier (Dinamarca)

Elephant, de Gus Van Sant (EUA)

Mystic River, de Clint Eastwood (EUA)

The Brown Bunny, de Vincent Gallo (EUA)

La Petite Lili, de Claude Miller (França)

Les Côtelettes, de Bertrand Blier (França)

Les Égarés, de André Téchiné (França)

Swimming Pool, de François Ozon (França)

Tiresia, de Bertrand Bonello (França)

A Cinq Heures de L’Après-Midi, de Samira
Makhmalbaf (Irã)

Il Cuore Altrove, de Pupi Avati (Itália)

Akarui Mirai, de Kiyoshi Kurosawa (Japão)

Shara, de Naomi Kawase (Japão)

The Moab Story, de Peter Greenaway (Reino Unido)

Père et Fils, de Alexander Sokúrov (Rússia)

Ce Jour-Là, de Raoul Ruiz (Suíça)

Uzak, de Nuri Bilge Ceylan (Turquia)

 

 
 

 

 

 

 

Clique para vê-la ampliada
EDIÇÃO 197
ENQUETE
Aline Moraes e Paula Picarelli interpretam as jovens homossexuais Clara e Rafaela que enfrentam o preconceito em Mulheres Apaixonadas. O que você acha
do tema ser tratado
na novela das oito?
:: VOTAR ::
 
QUEM SOU EU?
 
FÓRUM
 BUSCA

RESUMO DAS NOVELAS
Saiba o que vai acontecer durante a semana na sua
novela preferida
TESTE
Você é Beijoqueiro ?
Engana-se quem pensa que beijo não define uma conquista. Descubra se você domina a arte de seduzir com os lábios!
• Fale conosco
• Expediente
• Assinaturas
• Publicidade
 
| ISTOÉ | ISTOÉ DINHEIRO | PLANETA | EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2003 Editora Três