13 de dezembro de 1999
Home
Home
Semana
Diversão e Arte
Outras Edições
Fale Conosco
Assine
Assine
Assine
Assine
Assine
Assine
Busca

Leia também:

Televisão
Zapping
Mais Você
Dia dos baixinhos

Cinema
Stigmata
Vinte Encontros
Natal em vídeo
Patricia Arquette

Exposição
Chivas Synergies Art
Cerâmicas de Picasso
Jorge Guinle - Coleção Marcio Espindula

Música

Puro Prazer
Simbora
Reginaldo Rossi
Milton histórico


Livros

Jorge Luís Borges, Esplendor e DerrotaPoesia para os ouvidos
Xuxa - Coleção Gente do Século
A vida na tevê


Internet

Papai Noel
Nus atléticos


Cinema - Foco

Natal em vídeo
Época inspira lançamentos de fitas com temas natalinos

Lilian Amarante

Foto: Reprodução

Para as crianças, Natal é dia de festa, não de ficar grudado na frente da tevê assistindo desenho. Mas até a chegada do Papai Noel, não há mal algum em colocar todo mundo no clima natalino com os vídeos "temáticos" que estão chegando ao mercado.

Uma das grandes produções da temporada é Rudolph, A Rena do Nariz Vermelho, um longa-metragem de animação que já vendeu 4 milhões de cópias nos Estados Unidos e está sendo lançado agora no mundo inteiro. Rudolph é uma das renas de Papai Noel, que foge para o Pólo Norte. Quando as coisas se complicam na casa de Papai Noel, ela volta para salvar o Natal.

Totalmente realizados em computadores, dois desenhos animados injetam humor na festa do Natal. O Quebra-Nozes Maluco é uma produção de 1999 sobre o mundo mágico do príncipe Quebra-Nozes, em que a jovem Marie encontra frutas alucinadas e a fada Bombom. Em Natal de Buster & Chauncey (1998), os protagonistas são dois ratinhos, que contam como a canção "Noite Feliz" foi criada. Os astros dos desenhos da tevê também têm espaço nas videolocadoras. Scooby e Salsicha estão em Scooby-Doo no Natal, um desenho de 1996 com duas histórias em 46 minutos. Uma das aventuras misteriosas é baseada na suíte "Quebra-Nozes", de Tchaikovski.

Já que o ano 2000 está aí, que tal acompanhar O Natal dos Jetsons, uma versão do conto "Uma História de Natal", de Charles Dickens? O desenho, de 23 minutos, foi realizado em 1962, mas garante o olhar futurista da série.

Bem longe do futuro, mais precisamente na remota Bedrock, bem antes de Cristo nascer, todos estão se preparando para o Natal. Uma História de Natal dos Flintstones (1993) também faz referência a Dickens, mas se passa na Pré-História de Fred, Vilma e Pedrita.
Toda a turma da Idade da Pedra vai à festa.

Boletim Assine Fale Conosco Outras edições Home Boletim Assine Fale conosco Outras edições Home