Veja também outros sites:
Home •• Revista ••• Reportagens  
Reportagens

03/06/2002

   
 
Leandro Pimentel
A cantora Britney Spears tem doze calças da Gang no armário e fez questão de se apresentar no Rock in Rio 3 (ao lado) vestindo um modelo da marca

 

Negócios / Alcyr Amorim
Ele faz o bumbum crescer
Paulista fabrica o jeans Gang, que é vendido nos Estados Unidos ao lado das marcas Armani e Dolce & Gabbana e preferido por celebridades como Britney Spears e Gisele Bündchen por ressaltar o quadril da mulher

Vivianne Cohen

 

Leandro Pimentel

“Calça da Gang todo mundo quer. Duzentos reais pra deixar a bunda em pé”. O funk foi composto pelo DJ carioca Saddam e faz sucesso em qualquer baile do Rio. Já a peça de roupa em questão é de propriedade de Alcyr Amorim, dono da marca carioca de jeans Gang, e ganhou destaque nos Estados Unidos, terra onde há mais de um século o jeans foi inventado. “A calça da Gang deixa a mulher se sentindo poderosa”, diz Alcyr, paulista de 55 anos.

Adotado pelas popozudas – gíria empregada às mulheres de bumbum avantajado –, o jeans da Gang virou objeto de desejo de estrelas internacionais por um motivo básico: ele arrebita o bumbum da mulher que o veste. Alcyr não revela o segredo que produz tal efeito, mas o jeans da Gang, ao contrário da maioria, é mais baixo na parte da frente e mais alto atrás, o que produz um caimento mais justo nos quadris. “A cintura baixa da calça e o fato de ela ser produzida com stretcht, um tipo de lycra que agarra ao corpo, fizeram da Gang um sucesso”, diz a consultora de moda Lilian Pacce.

A musa dos adolescentes, a cantora americana Britney Spears, tem guardadas no armário 12 peças da Gang, depois de descobri-la quando esteve se apresentando no Rock in Rio 3, em janeiro de 2001. Mesmo patrocinada por outra marca, Britney ficou deslumbrada ao ver a calça no corpo de uma brasileira e a usou como figurino no show que fez no País.

A febre pelo jeans da Gang teve início há cerca de dois anos e, hoje, a calça é exposta em vitrines americanas ao lado de similares das marcas Dolce & Gabbana e Armani. Lá, o modelo básico dela não sai por menos que US$ 160. Se a mulher preferir um modelito mais sofisticado, desembolsará US$ 400.

Além de Britney, a Gang já vestiu a top Gisele Bündchen e a modelo Mariana Weickert. Em uma de suas vindas ao Rio, ano passado, Mariana chegou a brigar com o namorado dentro de uma loja porque ele não queria ver as formas da amada ressaltadas pelo jeans. “Dizem que eles acabaram o namoro por causa disso”, conta Alcyr, que se recusa a mandar peças de presente para celebridades. “Se eu der, perderá o valor”, diz.

Alcyr exporta 15 mil peças por mês para, além dos Estados Unidos, México, Colômbia e Japão. No Brasil, tem apenas seis lojas. Mas o que aparenta ser problema, é, na verdade, o diferencial da Gang. A baixa produção – são apenas 30 mil calças por mês para atender os dois mercados – deve-se ao fato de que as peças são todas feitas à mão. “Por isso, a calça da Gang é considerada excepcional lá fora”, explica.

Separado e pai de dois filhos homens, o empresário aprendeu o segredo há 27 anos, em Paris. Alcyr ficou curioso ao ver uma fila imensa de mulheres na porta da loja Bob Shop e descobriu que um costureiro fazia, ali, as calças na hora. Sem nunca ter trabalhado com jeans – ele era dono de uma loja que vendia roupas importadas –, pediu a modelagem das calças ao costureiro e, junto com a modelagem da calça de outra marca famosa em Paris, a Mackeen, ele fez sua mina de ouro. “Da calça masculina da Mackeen saiu a minha feminina. A Gang é basicamente uma calça de homem”, diz.

Comente esta matéria
Clique para vê-la ampliada
EDIÇÃO 148
 
ENQUETE
Milú Villela diz: "É in fazer alguma coisa pelo País, é totalmente out não fazer nada". E você? Faz algum trabalho voluntário?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
"Os homens sempre quiseram mandar nas mulheres, por isso se viram no direito de matar." declara a procuradora Luiza Nagib Eluf. O que você pensa a respeito dos crimes passionais? Dê sua opinião
 
 BUSCA

LEIA TAMBÉM
 

Dupla dinâmica
Ex-sócio de Serra fez dobradinha com Ricardo Sérgio em operações fraudulentas

Teste
Como anda a sua Inteligência Emocional?

Feras indomáveis
Marcas desconhecidas avançam sobre mitos como Porsche e Ferrari

Olho biônico
Equipe com oftaltalmo brasileiro devolve a visão a um cego implantando chip na retina

• Fale conosco
• Expediente
• Assinaturas
• Publicidade
| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ISTOÉ DIGITAL | EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2002 Editora Três