Clique para ver a capa ampliada
EDIÇÃO 129
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 GALERIA DE FOTOS
 JOGOS E TESTES
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 IMAGENS DA SEMANA
 INTERNET
 MODA
 MUNDO
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 URGENTE
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA

 

 

JOÃO MARCELLO BÔSCOLI

21/01/2002

“Sei o que Chicão está passando”
O primogênito de Elis Regina, que tinha 11 anos quando ela morreu, não aceita a morte da mãe por overdose de cocaína e diz que se identifica com a dor do filho de Cássia Eller

Tiago Ribeiro

Claudio Gatti

“Elis sempre foi careta. No dia em que ela morreu, tomamos café da manhã juntos. Ela estava ótima”, diz Bôscoli, hoje um dos donos da gravadora Trama

O filho da cantora Elis Regina e do compositor Ronaldo Bôscoli é um turbilhão de idéias – e uma metralhadora verbal. João Marcello Bôscoli fala rápido – e bastante. “Às vezes falo demais”, resigna-se. Impossível não lembrar de Elis quando ele sorri. Um sorriso largo que obriga os olhos, de um castanho escuro, a se apertarem. Também é impossível não lembrar de Elis quando ele resolve desfiar o vocabulário contra puxa-sacos do meio artístico, políticos ou o que quer que o incomode. Da mãe, herdou ainda o gosto pela música. Dono da Trama, gravadora independente que ele fundou com os sócios André e Cláudio Szjaman, em 1998, aos 31 anos João Marcello trabalha por prazer. Há cinco anos não tira férias. Quando quer descansar, joga videogame, vai ao cinema e ouve música. “Vale por uma viagem”, jura. Órfão de mãe aos 11 anos, ele não admite a causa mortis oficial de que Elis morreu de overdose de cocaína e álcool. Na entrevista de três horas a Gente, concedida no escritório da gravadora, em São Paulo, lembrou da infância ao lado da mãe, revelou os planos da Trama e contou que gostaria de conhecer Chicão, filho de Cássia Eller, morta no auge da carreira como Elis. “Sei exatamente o que ele está passando”, diz.

As mortes de Cássia Eller e de Elis são semelhantes para você?
Há algumas questões não esclarecidas sobre a morte de Elis: como é que a polícia não encontrou um grama de cocaína em casa, se ela supostamente morreu por overdose misturada ao álcool? Por que foi o Harry Shibata (então diretor do Instituto Médico Legal de São Paulo), que já tinha seu registro no Conselho Regional de Medicina cassado, e que assinou o laudo da morte do Vladimir Herzog (o laudo afirma que o jornalista se suicidou na prisão), o responsável pela assinatura no laudo da minha mãe (apontando a presença de cocaína e álcool no exame toxicológico)? Todo mundo sabe do envolvimento dele nos porões da ditadura. (Procurado por Gente, o médico Harry Shibata diz que apenas formou a equipe que examinou o corpo de Elis e assinou o laudo).

Para você, Elis não morreu de overdose?
Não descarto que ela tenha tido experiência com drogas tardiamente, com 36 anos, e não tenha sido feliz. Mas ela sempre foi careta. Eu estive com ela na manhã daquele dia. Tomamos café da manhã. Ela estava ótima.

Você vê semelhanças entre a Cássia Eller e Elis Regina?
Ambas foram pessoas não hipócritas e desafiadoras. Conheci pouco a Cássia, mas notei que ela tinha a mesma emoção de criação artística de Elis. A Cássia declarava que usava drogas e que tentava parar. Já a Elis, em tese e em casa, não tinha esse estilo. Se ela, com 36 anos, experimentou e teve um acidente, foi uma infelicidade.

próxima >>

Comente esta matéria



Quiromancia
Altar Virtual
Cartomancia
Novo Tarô
Biscoito da sorte
Realejo
Bola 8
Par perfeito
I-Ching
Runas
Vidente
Numerologia
Horóscopo
 
ENQUETE
Que celebridade você gostaria de ver nua?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
O príncipe Harry confessou que fumou maconha. Mas pode ser investigado pela polícia e expulso da escola por isso. O que você pensa a respeito?
 
CHAT
Nome (até 20 caracteres):
Escolha uma sala

 
 

| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2002 Editora Três