Clique para ver a capa ampliada
EDIÇÃO 127
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 GALERIA DE FOTOS
 JOGOS E TESTES
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 MODA
 MUNDO
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 RÉVEILLON 2002
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA

 

 

PING PONG

História do Brasil para rir

Mariane Morisawa

Divulgação
O Quinto dos Infernos: aventura, humor e sensualidade

A história do Brasil mais uma vez ganha ares engraçados em O Quinto dos Infernos, minissérie que estréia na terça-feira 8 na Rede Globo e que vai mostrar os bastidores da independência do País. Escrita por Carlos Lombardi, a minissérie promete humor e aventura. Lombardi e o diretor-geral, Wolf Maya, falaram a Gente.

O que o espectador vai ver na minissérie?
Wolf Maya - Muito humor, aventura, luxo e sensualidade. Estamos contando uma história conhecida, só que acentuando os fatos mais polêmicos e as coisas mais engraçadas.

Como brincar com personagens históricos?
Maya - Não estamos desconstruindo, nem debochando da história. Toda a produção está embasada em pesquisa.

Como a pesquisa ajudou?
Carlos Lombardi - O trabalho de pesquisa histórica inundou-me de dados, mas percebi que a subjetividade é a mola mestra dos trabalhos científicos, o que me deu a liberdade de interpretar à vontade. A minissérie não é uma brincadeira, porém a visão dos personagens é minha, pessoal e intransferível.

Existem semelhanças com Carlota Joaquina, o filme de Carla Camurati?
Lombardi – Começamos no mesmo momento, mas a minissérie passa-se, na maior parte de seus episódios, num período histórico posterior ao do filme. E, como tenho mais tempo do que Carla para contar a história, posso mostrar que D. João era o bufão ridículo do filme, mas também um estadista.

Qual a preocupação ao escolher o elenco?
Maya - O elenco foi escalado priorizando quem tem experiência em teatro. Como não estamos fazendo um hipernaturalismo tradicional, precisamos de atores que saibam compor tipos e que falem bem, porque o português usado não é o contemporâneo.




Altar Virtual
Cartomancia
Novo Tarô
Biscoito da sorte
Realejo
Bola 8
Par perfeito
I-Ching
Runas
Vidente
Numerologia
Horóscopo
 
ENQUETE
Você acha que Ronaldinho é fundamental para a seleção brasileira?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
O seqüestrador Fernando Dutra Pinto morreu na prisão em circunstâncias suspeitas. O que você pensa sobre isso? Dê sua opinião.
 
CHAT
Nome (até 20 caracteres):
Escolha uma sala
 
 

| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1996/2001 Editora Três