Clique para ver a capa ampliada
EDIÇÃO 114
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 GALERIA DE FOTOS
 JOGOS E TESTES
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 AGITO
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 IMAGENS DA SEMANA
 INTERNET
 MODA
 MUNDO
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 URGENTE
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA

 

 

NOVELA

O Clone
Murilo Benício perde para a tecnologia e Giovana Antonelli aproveita cenários e figurino perfeitos

Neuza Sanches

Divulgação
Giovana Antonelli: resquícios de Capitu e amor impossível

O Oriente, com suas lendas e tradições exóticas, sempre fez parte das fantasias do homem ocidental. Há 40 anos, a telenovela brasileira explorava esse filão, época áurea de Glória Magadan. Em O Clone, Glória Perez idealizou uma trama que contrastasse este passado tradicional com a mais vanguardista e polêmica tecnologia: a clonagem humana. É no Marrocos que nasce uma história de amor aparentemente impossível, devido ao choque de culturas entre Lucas (Murilo Benício) e Jade (Giovana Antonelli), jovem descendente de uma numerosa família islâmica.

Giovana é daquelas atrizes que a cada cena mergulha mais profundamente no personagem. Talvez por isso ainda guarde alguns traços da Capitu de Manoel Carlos em Laços de Família. Mas, justamente por esta característica, tem tudo para fazer de Jade um tipo remarcável, auxiliada pela perfeição dos cenários e do figurino.

A Murilo Benício cabem os papéis dos gêmeos Diogo e Lucas, além do clone Leandro. Aos 32 anos na vida real, ele terá de convencer tanto como um jovem de 18, idade do personagem clonado, quanto como um homem de 40, registro de nascimento de Lucas. Ou seja, Murilo fica com a maior parte do trabalho braçal e ninguém deve esperar dele algo além disto. No primeiro capítulo, o ator perdeu para a tecnologia -- os efeitos especiais dos encontros entre os irmãos gêmeos estavam impecáveis e se sobrepuseram à atuação de Murilo. Vera Fischer voltou como sempre, bela e competente no que faz.

Com direção de Jayme Monjardim, Marcos Schechtman e Teresa Lampreia, O Clone deve ainda colher os frutos do atual interesse da população brasileira pelo mundo árabe, decorrência natural do atentado terrorista ao World Trade Center, em Nova York. O galã é o ponto fraco




Cartomancia
Novo Tarô
Biscoito da sorte
Realejo
Bola 8
Par perfeito
I-Ching
Runas
Vidente
Numerologia
Horóscopo
 
ENQUETE 1
Cláudia Ohana disse que já roubou namorado de amiga e você roubaria o(a) namorado(a) da(o) amiga(o)?
:: VOTAR ::
 
ENQUETE 2
Quem é o galã mais bonito das últimas novelas das oito?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
O senador Jader Barbalho quer continuar na vida
pública se candidatando novamente ao Senado e ao governo do Pará? Qual você acha que deve ser o seu futuro político?
 
CHAT
Nome (até 20 caracteres):
Escolha uma sala

| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1996/2001 Editora Três