PUBLICIDADE

CoD: Warzone recebe 3ª temporada com mapa Verdansk 1984 e novas armas

Após a explosão de uma bomba nuclear em Call of Duty: Warzone, os jogadores viajaram no tempo para 1984

22 abr 2021
0comentários
Publicidade

Call of Duty: Warzone recebeu, nesta quinta-feira (22), uma atualização com a terceira temporada do Battle Royale. Com temática da Guerra Fria, o update trouxe armas inéditas, ajustes de balanceamento e um novo mapa de Verdansk situado no ano de 1984. A Activision também aproveitou a chegada do patch para anunciar que Warzone ultrapassou a marca de 100 milhões de jogadores registrados.

Call of Duty: Warzone
Call of Duty: Warzone
Foto: Divulgação/Activision / Tecnoblog

Mapa de Verdansk viaja no tempo para 1984

O mapa Verdansk estava sendo invadido por zumbis desde o início da segunda temporada do Battle Royale, que chegou em fevereiro deste ano. Ontem (21), os jogadores participaram de um evento em que a arena foi atingida por uma bomba nuclear, destruindo a cidade por completo.

Após a explosão, os jogadores foram transportados para Rebirth Island, onde viajaram no tempo para 1984. Com o início da terceira temporada, o mapa padrão foi substituído pela versão de Verdansk da Guerra Fria, com todas as estruturas e áreas refeitas para ficar de acordo com a temática da época.

Em algumas construções, como no Aeroporto e no Estádio, os prédios ficaram parecidos com as versões anteriores por dentro, mas receberam mudanças no visual da parte de fora. Além disso, há áreas totalmente novas, como Karst Salt Mines e Gora Summit. As armas encontradas pelo mapa também têm aparência dos anos 1980.

Call of Duty: Warzone
Call of Duty: Warzone
Foto: Divulgação/Activision / Tecnoblog

Novas armas de Call of Duty: Warzone

Na primeira semana da terceira temporada, os jogadores de Warzone poderão equipar duas armas inéditas: a submetralhadora PPSh-41 e o rifle de precisão Swiss K31. Os equipamentos fazem parte do novo passe de batalha, que também inclui a SMG LC-10 e o rifle de assalto FARA 83.

Já as armas antigas receberam ajustes de balanceamento. A FFAR 1, por exemplo, teve dano e alcance máximo reduzidos, além de causar menos dano na região do pescoço e tronco dos personagens. O rifle tático Charlie, ou AUG, agora demora mais tempo para atirar entre as rajadas de tiros. A M16 também ficou mais lenta e mais fraca.

A lista completa de mudanças e novidades da terceira temporada de Call of Duty: Warzone estão nas patch notes, no site da desenvolvedora Raven Software. Vale mencionar que a season três também chegou hoje ao CoD: Black Ops Cold War.

Com informações: Polygon.

CoD: Warzone recebe 3ª temporada com mapa Verdansk 1984 e novas armas

Tecnoblog
Publicidade
Publicidade