0

Leal prevê jogo duro contra a Polônia na fase final da Liga das Nações

Seleção brasileira estreia em uma nova fase no torneio nesta quarta-feira, às 18h30 (horário de Brasília)

10 jul 2019
00h23
  • separator
  • 0
  • comentários

A seleção brasileira masculina de vôlei estreará na fase final da Liga das Nações logo contra o seu maior algoz nos últimos anos. Foi a Polônia, sua rival na partida marcada para às 18h30 (horário de Brasília) desta quarta-feira, em Chicago, que impediu o Brasil de ser campeão mundial nas duas últimas edições da grande competição. Veja onde assistir Brasil x Polônia.

O time brasileiro caiu diante dos poloneses nas finais do Mundial de 2018 e também em 2014. Por isso, o ponteiro Leal acredita que o duelo desta quarta será um grande teste para a equipe comandada pelo técnico Renan Dal Zotto.

"Fizemos bons jogos nas cinco etapas disputadas e estou confiante que vamos conseguir repetir essas boas apresentações agora nas finais. Sabemos da dificuldade que é encarar logo a Polônia, eles têm um time forte, mas o nosso grupo está preparado. Treinamos muito forte nesta semana e nosso time chega com tudo para essa partida", comentou o cubano naturalizado brasileiro.

Leal foi um dos destaques da seleção brasileira na fase de classificação, disputada em cinco semanas. Ele foi o maior pontuador da equipe, somando nada menos que 160 pontos, sendo 128 de ataque, 17 de bloqueio e 15 de saque.

Mas o Brasil não aposta somente no ataque para brilhar nesta fase final. A defesa, na avaliação da comissão técnica, será essencial para a busca do título. E, neste fundamento, o destaque brasileiro é o líbero Thales, primeiro colocado nas estatísticas de recepção na fase classificatória da Liga das Nações, com 27,67% de eficiência.

"Fiquei muito feliz com esse resultado. Estudamos muito os adversários, o Henrique Modenesi, nosso analista de desempenho, mostra bastante material com os saques dos times com quem vamos jogar. Tudo isso é de grande importância para o nosso dia a dia. Agora chegou o momento mais importante do campeonato e todo conhecimento é fundamental", comentou Thales.

Depois de encarar a Polônia, a seleção brasileira terá pela frente o Irã, na sexta-feira, às 19 horas, também em Chicago, sede desta fase final da competição.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade