1 evento ao vivo

Entenda como está a disputa da Superliga de vôlei

Tanto no masculino quanto no feminino os clubes de Minas Gerais ocupam as primeiras posições

5 fev 2019
04h43
  • separator
  • 0
  • comentários

Os times mineiros estão liderando as Superligas masculina e feminina de vôlei. A competição está no returno e quem lidera entre os homens, após 15 rodadas, é o Sada Cruzeiro, que acumula 13 vitórias. Entre as mulheres, após 14 rodadas, o Dentil / Praia Clube e o Itambé Minas só perderam uma vez até agora.

A Superliga feminina terá nesta terça-feira sua quarta rodada do returno com a disputa de cinco partidas: Sesi Vôlei Bauru x Sesc RJ, às 19h; Hinode Barueri x Balneário Camboriú, às 19h30; Dentil/Praia Clube x São Cristóvão Saúde/São Caetano, às 20h; BRB/Brasília x Curitiba Vôlei, às 20h; e Itambé Minas x Pinheiros, às 21h. A partida entre Fluminense x Osasco/Audax será em 12 de março.

Se Praia Clube e Minas lideram com folga, na terceira posição vem o Barueri, do técnico José Roberto Guimarães, que tem 10 vitórias e quatro derrotas, mesma campanha do Sesc RJ. Em seguida vem o Osasco e o Bauru, ambos com oito vitórias e seis derrotas. Fluminense e Curitiba completariam os classificados para a fase final se a competição terminasse agora, mas o Pinheiros vem tentando pegar essa oitava posição.

Por causa dessa disputa na tabela de classificação, o duelo entre Bauru e Sesc RJ é importante para o time do interior paulista. "Nossa expectativa é grande para este confronto, pois jogaremos em casa, e dentro do nosso ginásio a torcida faz muita diferença e nos ajuda bastante. É um jogo muito importante para a nossa classificação e continuidade nesta Superliga", comentou a central Valquíria.

Do outro lado, a experiente Juciely sabe que sua equipe terá bastante dificuldade. "Será um jogo bem difícil porque o Sesi Vôlei Bauru vem crescendo ao longo da competição, assim como Sesc RJ vem buscando o nosso melhor e os dois confrontos entre as equipes nessa temporada foram bem equilibrados. Uma vitória pra cada lado por 3 a 2", disse Juciely.

Na Superliga masculina, o Sada Cruzeiro tem 13 vitórias em 15 rodadas e está com 38 pontos, dois a mais que o Sesi-SP, apesar do mesmo número de vitórias das duas equipes. O EMS Taubaté Funvic tem 35 pontos (12 vitórias), à frente do Sesc RJ (11 vitórias). Esse bloco de cima deve terminar nas quatro primeiras posições na tabela de classificação.

Em quinto lugar vem o Fiat/Minas, com nove vitórias e seis derrotas, e na sequência aparecem equipes com campanhas parecidas e pontuações bem próximas: Copel Telecom Maringá Vôlei, Vôlei Renata e Vôlei Um Itapetininga. O Corinthians-Guarulhos, time do líbero Serginho, faz uma campanha modesta, com apenas quatro vitórias e 11 derrotas.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade