0

Em fase final de recuperação, Maurício Borges pode voltar em fevereiro

23 jan 2019
11h39
atualizado às 11h39
  • separator
  • comentários

Há seis meses, Maurício Borges foi submetido a uma cirurgia no joelho direito. A intervenção acabou sendo necessária para recuperar o ligamento cruzado anterior, após um estiramento sofrido em julho do ano passado, quando defendia a Seleção Brasileira na Liga das Nações.

Entretanto, os dias como torcedor estão chegando ao fim. Já na fase final de recuperação, o ponteiro, campeão olímpico em 2016 deve estar à disposição de Giovane Gávio no começo de fevereiro, podendo fazer sua estreia pelo Sesc-RJ na temporada contra o São Judas Vôlei. Ansiedade e alegria se misturam após um período de trabalho duro, foco e muita paciência.

"Voltar a jogar é como a coroação de um trabalho duro, intenso e exaustivo, que foi o período dessa recuperação. É muito ruim ficar de fora, mas agora falta pouco, estou bem tranquilo e quero voltar no tempo certo. Estou completando seis meses da cirurgia, feliz demais em poder voltar a treinar", afirmou Borges.

A boa notícia vem como um presente de aniversário antecipado para o alagoano, que completa 30 anos no dia 4 de fevereiro. "Foi um período bem pesado para mim. Não foi fácil, mas tive a minha família ao meu lado, o fisioterapeuta do time (Aridone Borgonovo) quase que em horário integral comigo, e tenho que agradecer ao Sesc-RJ por todo o suporte, pelo apoio, porque tudo isso fez com que fosse uma recuperação muito melhor. É como um presente de aniversário que chega antes da hora", brincou.

O Sesc ocupa a terceira posição na tabela de classificação da Superliga 2018-2019 com 30 pontos, atrás de Cruzeiro (32) e SESI-SP (30, mas com uma vitória a mais). A equipe só volta à quadra no dia 30 para enfrentar o Corinthians/Guarulhos (SP), no Ginásio Álvaro Vieira Lima (Tijuca Tênis Clube), partida válida pela terceira rodada da competição.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade