PUBLICIDADE
Logo do

Vitória

Meu time

Guilherme Santos fala sobre sensação de marcar em grande classificação do Vitória

Rubro-Negro baiano venceu o Internacional por 3 a 1, no Beira-Rio, e avançou para as oitavas de final da Copa do Brasil

11 jun 2021 17h28
ver comentários
Publicidade

Na noite da última quinta-feira (10), o Vitória avançou para as oitavas de final da Copa do Brasil revertendo o 1 a 0 que sofreu na ida diante do Internacional, em muito, graças a grande atuação do atacante Guilherme Santos que veio do banco de reservas.

Jogador marcou o terceiro tento do Leão na partida (Raul Pereira)
Jogador marcou o terceiro tento do Leão na partida (Raul Pereira)
Foto: Lance!

Emprestado pelo Atlético-MG até o fim da Série B, Guilherme entrou em campo por conta de uma lesão ainda aos trinta minutos do primeiro tempo sofrida por Soares.

Apesar do contexto que sugeria maior pressão, o jogador contou que estava confiante para entrar e poder ajudar a reverter o placar adverso em situação que jamais havia acontecido para o Leão da Barra contra o Inter na cidade de Porto Alegre em toda a história.

- Fiquei muito feliz quando sinalizaram que eu iria entrar. Tive a sensação que eu poderia ajudar o time a mudar o jogo. Entrei muito concentrado e focado no que o professor pediu pra fazer. Graças a Deus e ao grupo deu tudo certo e saímos com a classificação - disse o atacante.

Este foi o terceiro jogo do garoto, o primeiro saindo do banco. Pensando nisso, Guilherme falou sobre a emoção de marcar o primeiro gol com a camisa do Vitória e a vontade de devolver em campo o apoio que o clube tem lhe dado.

- Eu estava me sentindo bem, mesmo sem ter feito ótimas partidas ainda , eu sempre mantive o pé no chão e trabalhando muito para me adaptar o mais rápido possível. Sempre tive fé que poderia recompensar a confiança depositada em mim com o meu futebol. Fico muito feliz por marcar o meu primeiro gol com essa camisa e pela importância que ele teve - enfatizou o camisa 18.

Lance!
Publicidade
Publicidade