1 evento ao vivo

Vasco trabalha pressão e concentração antes das 'decisões'

20 nov 2018
17h43
atualizado às 17h43
  • separator
  • comentários

Com 39 pontos conquistados, o Vasco a apenas dois do América-MG e da Chapecoense, que abrem a zona de rebaixamento. O Cruz-Maltino precisa voltar a vencer o mais rapidamente possível, pois vem de uma derrota para o Corinthians, por 1 a 0, além de um empate em casa com o Atlético-PR por 1 a 1. O próximo compromisso será contra o São Paulo, nesta quinta-feira, às 20 horas (de Brasília), em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor já se garantiu na Copa Libertadores, mas pretende terminar no G4 para evitar a fase preliminar.

Além do jogo contra o São Paulo, o Vasco terá pela frente o líder Palmeiras no fim de semana, também em São Januário, e fecha a sua participação fora de casa contra o Ceará, que também está na luta contra a degola.

Diante de partidas decisivas e que se desenham tão complicadas, os vascaínos alertam para a necessidade de atuar de maneira concentrada, sem sentir tanto a pressão.

"O aspecto emocional em confrontos como esses e em momentos como esses acabam fazendo toda a diferença. A nossa equipe precisa entrar sempre concentrada e assim permanecer os noventa minutos. Nossa equipe tem capacidade e temos condições de nos livrar. A gente não consegue sair de uma partida e esquecer o que está acontecendo, pois carregamos essa pressão com a gente durante todos os momentos. Isso precisa ser sempre trabalhado", disse o goleiro Fernando Miguel.

Nesta quarta-feira o elenco vascaíno trabalha na parte da tarde e o técnico Alberto Valentim vai definir a escalação que vai enfrentar o Tricolor paulista. A expectativa gira em torno do aproveitamento do atacante argentino Maxi López, que se recupera de um corte no pé direito. Recuperados de dores musculares na coxa direita e de desgaste físico, Luiz Gustavo, que vem atuando na lateral direita, e Werley devem ficar à disposição para este compromisso. O segundo voltaria a compor a zaga com Leandro Castán, deixando o colombiano Oswaldo Henriquez como opção no banco de reservas. A escalação, porém, só será revelada minutos antes do confronto. Após o treinamento desta quarta-feira vai começar o período de concentração para o confronto com o São Paulo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade