PUBLICIDADE
Logo do

Vasco

Meu time

Em caso de doping, vascaíno Miranda é suspenso pela Conmebol

Zagueiro foi flagrado com substância proibida em 3 de dezembro, quando time pegou o Defensa y Justicia, da Argentina, na Copa Sul-Americana

16 set 2021 18h19
| atualizado às 20h05
ver comentários
Publicidade

O que era esperado realmente aconteceu. O zagueiro Miranda foi suspenso nesta quinta-feira por tempo indeterminado pela Conmebol. O defensor do Vasco havia sido reprovado em exame antidoping da segunda partida das oitavas de final contra o Defensa y Justicia, da Argentina, em São Januário, na Copa Sul-Americana do ano passado. 

Miranda vinha numa temporada de afirmação como jogador profissional (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama)
Miranda vinha numa temporada de afirmação como jogador profissional (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama)
Foto: Lance!

O confronto com o time argentino foi realizado no dia 3 de dezembro e ele testou positivo para canrenona, um diurético de uso proibido. O clube carioca foi notificado pela primeira vez sobre o caso de doping em junho passado, quando o atleta negou que tenha ingerido a substância encontrada no teste antidoping.

O Vasco já esperava por esta punição, depois de o resultado da contraprova do exame do jogador apontar novamente a presença da substância proibida, e também por isso o clube contratou recentemente o defensor Walber, por precaução, para recompor o elenco antes da suspensão aplicada a Miranda.

Por meio de nota oficial, o Vasco comentou a punição ao jogador, que acabou sendo retirado da lista de jogadores relacionados para o jogo contra o CRB, nesta quinta-feira, em Maceió, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

"O Vasco da Gama informa que a Unidade Disciplinar da Conmebol determinou na manhã desta quinta-feira (16/09) a suspensão preventiva do atleta Miranda por tempo indeterminado. O atleta viajou com a delegação para a partida contra o CRB (AL), porém foi retirado da lista de relacionados após a chegada do comunicado. Até nova determinação da Conmebol, Miranda está afastado de jogos e treinamentos da equipe cruzmaltina", informou o clube.

"O Vasco da Gama reitera que continuará dando todo suporte e acreditando na defesa do atleta durante o processo, acompanhando de perto, inclusive, sua defesa", completou a nota.

Lance!
Publicidade
Publicidade