0

Chegada de Ricardo Sá Pinto trava negociações por reforços no Vasco

21 out 2020
14h20
atualizado às 14h20
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Vasco se encaminhava para anunciar uma série de reforços desde a saída do técnico Ramon Menezes. Dos quatro nomes especulados na imprensa, somente o argentino Leonardo Gil foi contratado. Além dele, o Cruz-Maltino acertou com o desconhecido angolano Toko Filipe, que atuou na terceira divisão portuguesa.

Entretanto, com a chegada do técnico português Ricardo Sá Pinto, as outras conversas em andamento esfriaram. São os casos do equatoriano Antonio Valencia, do ganês Latif Blessing e do meia Patrick, do Grêmio, que a partir de agora dependerão do aval do novo treinador.

Chegada de Sá Pinto atrapalhou negociações do Vasco (Foto: Reprodução)
Chegada de Sá Pinto atrapalhou negociações do Vasco (Foto: Reprodução)
Foto: Gazeta Esportiva

Sá Pinto vai fazer uma avaliação do elenco e novos nomes podem surgir. Ao menos os reforços definidos atendem aos pedidos de Ramon por um volante e um atacante que atue pelos lados do campo.

Leonardo Gil, de 29 anos, é versátil e pode atuar em várias posições do meio-campo. Na noite desta terça-feira, ele falou à Vasco TV sobre a sensação de atuar em um grande clube do Brasil

"Estou muito feliz de estar aqui, em uma grande instituição. Quero ajudar, trabalhar como um grande profissional, com muita seriedade. A sensação é linda de vestir a camisa do Vasco. Sabemos a situação difícil do clube, com derrotas em sequência, mas confiamos nos companheiros. Temos um bom material humano", afirmou o argentino.

Toko Filipe, de apenas 21 anos, chegou a Portugal através de uma parceria entre a Academia de Futebol de Angola e o Louletano, da terceira divisão. Por meio de um empresário brasileiro que investe no Louletano, foi oferecido ao Vasco, que acertou um empréstimo de um ano.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade