2 eventos ao vivo

Tite critica calendário da CBF: "Sigo com a mesma opinião"

"Tenho a mesma ideia da época de técnico de clube. Continuo achando que não tem de haver jogos de campeonato", disse o treinador

9 out 2019
14h37
atualizado às 15h14
  • separator
  • 0
  • comentários

O técnico da seleção brasileira, Tite, criticou a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) por não seguir o calendário da Fifa para partidas de seleções e disse lamentar ter de tirar jogadores de seus clubes em momentos importantes da temporada.

Tite durante entrevista coletiva no Rio de Janeiro
20/09/2019 REUTERS/Sergio Moraes
Tite durante entrevista coletiva no Rio de Janeiro 20/09/2019 REUTERS/Sergio Moraes
Foto: Reuters

"Tenho a mesma ideia da época de técnico de clube. Continuo achando que não tem de haver jogos de campeonato. Continuo convicto", disse Tite em entrevista coletiva antes do amistoso de quinta-feira contra Senegal, em Cingapura.

"Faço com pesar a convocação", acrescentou o treinador.

Tite convocou oito jogadores que atuam no Brasil para os amistosos contra Senegal e Nigéria, que será a adversário da seleção no domingo também em Cingapura.

O Flamengo, que lidera o Campeonato Brasileiro, terá de lidar com as ausências do zagueiro Rodrigo Caio e do centro-avante Gabriel Barbosa por pelo menos dois jogos do campeonato e o Palmeiras, que está cinco pontos atrás da equipe carioca, terá o desfalque do goleiro Weverton para a partida de quarta-feira contra o terceiro colocado Santos.

O Flamengo e o Grêmio, que teve convocados Everton Cebolinha e Matheus Henrique, terão o retorno de seus jogadores apenas poucos dias antes do jogo de volta da semifinal da Libertadores em 23 de outubro. No jogo de ida, na Arena do Grêmio, houve empate em 1 x 1.

Tite também criticou a Pitch, empresa responsável pelo calendário dos amistosos da seleção brasileira. Com o gramado do estádio de Cingapura longe de sua melhor forma, organizadores impediram que os jogadores treinassem antes da partida.

O técnico confirmou que Neymar fará seu centésimo jogo pela seleção, ao lado de Gabriel Jesus e Roberto Firmino no ataque.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade