0

Sem nenhum brasileiro, Rio Open confirma tenista campeão de Grand Slam

11 jan 2018
11h38
atualizado às 11h38
  • separator
  • comentários

Principal torneio não apenas do Brasil mas da América do Sul, o Rio Open desta temporada deve ser o mais emocionante e competitivo desde 2014, quando o campeonato entrou no rol de ATP 500 no calendário mundial. A organização do evento confirmou que a edição de 2018  terá a presença de Marin Cilic, tenista croata que já foi campeão do Aberto dos Estados Unidos, um dos quatro Grand Slams do circuito profissional.

Além disso, foram confirmados três tenistas do top 10 e 12 do top 50, uma boa notícia para a competição que almeja se tornar um Master 1000 em um futuro não tão distante. Apesar de Chris Kermode, presidente da ATP, ter afirmado que não pretende aumentar o numero de torneios deste nível, a organização do Rio Open já confirmou o interesse em "subir de nível" e até cogita mudar a sede do evento para que as partidas sejam realizadas em quadra de piso duro, atraindo mais o interesse dos principais tenistas do ranking.

Dentre os grandes nomes estão Dominic Thiem, atual campeão do torneio, Pablo Carreño Busta, Gael Monfils e Fernando Verdasco, todos eles tenistas que já tiveram resultados expressivos no circuito mundial. Além deles, Kyle Edmund, um dos jovens tenistas que está entre os 50 melhores, confirmou a presença no principal evento sul-americano do tênis.

O ponto negativo fica por conta dos brasileiros, que não conseguiram se classificar de forma direta e terão que esperar por uma desistência de um dos tenistas já presentes na chave-principal ou por um convite vindo da própria organização do evento.

5° Dominc Thiem (AUT)

6° Marin Cilic (CRO)

10° Pablo Carrenõ Busta (ESP)

22° Albert Ramos Viñolas (ESP)

26° Diego Schwartzmann (ARG)

27° Fabio Fognini (ITA)

33° Pablo Cuevas (URU)

37° Alexander Dolgopolov (UCR)

39° Gael Monfils (FRA)

40° Fernando Verdasco (ESP)

45° Paolo Lorenzi (ITA)

49° Kyle Edmund (GBR)

51° Aljaz Bedene (SLO)

52° Leonardo Mayer (ARG)

56° Guido Pella (ARG)

63° Andreas Haider-Maurer (AUT)  (ranking protegido)

64° Jiri Vesely (RTC)

66° Horacio Zeballos (ARG)

67° Federico Delbonis (ARG)

70° Guillermo Garcia Lopez (ESP)

75° Dusan Lajovic (SRV)

81° Victor Estrella Burgos (DOM)

83° Cedrik-Marcel Stebe (GER)

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade