0

Sem cair a ficha de que venceu o US Open, Osaka conta como superou Serena

9 set 2018
11h58
atualizado às 11h58
  • separator
  • 0
  • comentários

Fã assumida de Serena Williams, Naomi Osaka realizou o sonho de jogar com a americana na final do US Open e fez mais, conquistou seu primeiro Grand Slam em cima da ídola e lenda do tênis. Apesar do jogo polêmico, com briga entre Serena e o árbitro, que lhe levou a um descontrole emocional, a japonesa se mostrou fria e jogou muito para vencer com propriedade.

Com apenas 20 anos, Naomi ainda não acredita no feito. "Sinto que isto aqui não é real. Suponho que em alguns dias poderei ter melhor consciência do que consegui. Agora não sou capaz. Parece que estou apenas em mais um torneio".

Durante a confusão no jogo, a japonesa não se envolveu e também não se deixou abalar pelo conflito entre a adversária e o juiz. Depois da partida, a campeã continuou se isentando do que ocorreu. "Não sei o que aconteceu, eu estava de costas. Mas isso não muda nada para mim. Serena sempre me pareceu uma pessoa fantástica".

Enfrentando uma torcida contra pesada, já que Serena estava jogando em casa, e poderia chegar a um recorde importante na carreira, Naomi falou como conseguiu encarar uma das maiores tenistas de todos os tempos. "Sei que todos queriam que ela ganhasse, por todos os lados se anunciava seu 24º título de Grand Slam. Mas quando eu entrei em quadra, me coloquei como outra pessoa, não como uma fã de Serena, apenas uma tenista diante de outra. Só quando nos abraçamos na rede é que me senti de novo como uma criança diante de seu ídolo", revelou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade