0

Rogerinho perde em simples e Demoliner avança nas duplas em Buenos Aires

Brasileira perde para o espanhol Albert Ramos-Viñolas por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4

11 fev 2019
22h55
  • separator
  • comentários

Após vencer duas partidas consecutivas e furar o qualifying, Rogério Dutra Silva foi derrotado em sua estreia na chave principal do Torneio de Buenos Aires, nesta segunda-feira. O tenista brasileiro, atual 138º do mundo, foi batido pelo espanhol Albert Ramos-Viñolas por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, em 1h37min de confronto.

Jogando em "casa", onde costuma treinar, Rogerinho não esteve à altura da maior experiência do rival, atual 96º do mundo, mas que já ocupou a 17ª posição do ranking. O brasileiro chegou a faturar uma quebra de saque, mas sofreu três, em 13 break points cedidos e acabou sendo eliminado.

Na segunda rodada, que já equivale às oitavas de final, o tenista da Espanha vai encarar o vencedor do duelo entre o também espanhol David Ferrer e o tunisiano Malek Jaziri. A competição argentina, a segunda da gira sul-americana de saibro, é de nível ATP 250.

Rogerinho, por sua vez, vai voltar para o Brasil, onde no fim de semana que vem disputará o qualifying do Rio Open. Ele precisará de mais duas vitórias para entrar na chave principal da competição brasileira, de nível ATP 500.

Ainda nesta segunda, na chave de simples, o italiano Lorenzo Sonego derrubou o chileno Nicolas Jarry, sexto cabeça de chave, por 6/7 (3/7), 6/4 e 6/3. O próximo oponente do italiano sairá do duelo entre o espanhol Roberto Carballes Baena e o japonês Taro Daniel.

Nas duplas, Marcelo Demoliner teve melhor destino que Rogerinho. Ele e o dinamarquês Frederik Nielsen venceram na estreia o salvadorenho Marcelo Arévalo e o norte-americano Jamie Cerretani por 6/3, 3/6 e 10/5.

Nas quartas de final, os próximos rivais de Demoliner vão enfrentar os vencedores do confronto entre Jaume Munar/Albert Ramos-Viñolas e Aljaz Bedene/David Marrero.

Estadão

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade