2 eventos ao vivo

Osaka sente lesão e desiste de jogar semi em Stuttgart; Kvitova vai à final

A japonesa disse que não conseguiria se recuperar de lesão no abdômen a tempo da partida contra Anett Kontaveit

27 abr 2019
16h38
  • separator
  • 0
  • comentários

O grande esforço que fez na última sexta-feira para virar uma partida quase perdida nas quartas de finais do Torneio de Stuttgart, disputado em quadras de saibro, custou caro à tenista número 1 do mundo, Naomi Osaka. Com uma lesão muscular, a japonesa desistiu de jogar a semifinal e, assim, a estoniana Anett Kontaveit se classificou direto à decisão.

"Infelizmente eu me machuquei ontem (sexta-feira) e estava esperando para ver se poderia me recuperar, mas não consegui", lamentou Osaka, que lesionou a região do abdômen.

Osaka tratou as dores até a manhã deste sábado, quando viu que não teria condições físicas de jogo depois do duelo contra a croata Donna Vekic, na rodada anterior, em que foi muito exigida ao salvar vários match points (chegou a estar perdendo de 1/5 no terceiro set).

Beneficiada pela desistência da japonesa, Anett Kontaveit, 15.ª colocada no ranking da WTA, jogará a final do torneio contra a checa Petra Kvitova, terceira do mundo, que venceu a holandesa Kiki Bertens por 2 sets a 1 - com parciais de 7/6 (7/4), 3/6 e 6/1.

Com o triunfo no saibro alemão, Kvitova ratificou o seu bom momento no ano e fará a sua quarta final da temporada. Ela venceu o Torneio de Sydney e foi vice-campeã do Aberto da Austrália e do Torneio de Dubai. A tenista de 29 anos ostenta 26 títulos de WTA.

Torneio de Istambul

A croata Petra Martic e a checa Marketa Vondorousova venceram os seus jogos nas semifinais e se enfrentarão na decisão do Torneio de Istambul, também disputado em quadras de saibro.

Mais experiente, Martic, número 40 do mundo, chegará mais desgastada fisicamente, já que travou um duelo complicado nas quartas de final contra a francesa Kristina Mladenovic no jogo mais longo do ano até aqui, que durou 3 horas e 17 minutos. Na semi, jogou menos e venceu a russa Margarita Gasparyan após a rival abandonar o jogo quando Martic vencia por 1 set a 0.

A jovem Vondorousova, por sua vez, passou pela também checa Barbora Strycova sem dificuldades. Vitória por 6/2 e 6/1, o que deixa a 46.ª tenista do ranking da WTA, teoricamente, mais descansada para o jogo final deste domingo.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade