0

Lesionado, Nadal desiste de disputar Masters de Xangai

Espanhol, número dois do mundo, alega dores na mão esquerda e por isso ficará por um período longe das quadras

4 out 2019
08h32
atualizado às 10h38
  • separator
  • 0
  • comentários

A Associação dos Tenistas Profissionais ( ATP) anunciou nesta sexta-feira que Rafael Nadal não vai disputar o Masters 1000 de Xangai, que terá início no domingo. O espanhol, atual número dois do mundo, alegou dores na mão esquerda para se ausentar da competição chinesa, disputada em quadra dura.

A contusão na mão já havia impedido Nadal de jogar sua segunda partida de simples na Laver Cup, no dia 21 de setembro. O problema físico também acabou cancelando mais uma partida de duplas ao lado do suíço Roger Federer pelo mesmo Time Europa na competição realizada em Genebra, na Suíça.

O tenista espanhol Rafael Nadal
O tenista espanhol Rafael Nadal
Foto: Susan Mullane-USA TODAY Sports / Reuters

Na ocasião, Nadal alegou que estava com uma inflamação na mão esquerda. Desta vez, o tenista não revelou detalhes sobre sua condição física. Como ainda está inscrito para disputar o Masters de Paris, no fim do mês, na França, é provável que a lesão não seja grave.

Com a ausência em Xangai, Nadal vai ampliar o jejum de títulos na competição chinesa, uma das poucas em que ainda não levantou um troféu no circuito. Ele foi vice-campeão em 2009 e 2017. Antes da contusão, o espanhol vinha em grande fase, somando 11 triunfos consecutivos, com os títulos seguidos do Masters de Montreal e do US Open, seu 19º troféu de Grand Slam da carreira.

Diante da baixa de Nadal, o sérvio Novak Djokovic terá a oportunidade de aumentar a vantagem na liderança do ranking, depois de ver o rival se aproximar do número 1 com a vitória em Nova York. O espanhol não tem pontos a defender até o fim da temporada. E Djokovic é o atual campeão em Xangai.

O sérvio, contudo, terá rivais à altura na competição chinesa. E seu maior obstáculo em busca do bicampeonato deve ser o suíço Roger Federer.

Veja também

 

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade