5 eventos ao vivo

Em Doha, Djokovic vence fácil seu primeiro jogo oficial em 2019

Sérvio supera bósnio Damir Dzumhur por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/2

1 jan 2019
19h11
  • separator
  • 0
  • comentários

Campeão de um torneio de exibição em Abu Dabi no último sábado, Novak Djokovic manteve o ritmo na sua estreia em uma competição oficial em 2019. Nesta terça-feira, o número 1 do mundo massacrou o bósnio Damir Dzumhur, o 47º colocado no ranking da ATP, por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/2, na sua estreia no Torneio de Doha.

Campeão do evento em 2016 e 2017, Djokovic assegurou a sua vitória em apenas 57 minutos. O sérvio disparou três aces e cometeu duas duplas faltas, assim como o seu adversário, além de ter vencido 81% dos pontos disputados no primeiro serviço, contra um aproveitamento de 65% do oponente.

Djokovic abriu 3/0 no primeiro set, depois de converter break point no segundo game, e obteve nova quebra de serviço no sexto, fechando a parcial em 6/1 na sequência. Já no segundo set, Djokovic fez 5/1 depois de converter break points no terceiro e quinto games, assegurando a sua vitória por 6/2.

O próximo adversário de Djokovic em Doha vai ser o húngaro Marton Fucsovics, o número 36 do mundo, que nesta terça-feira bateu o romeno Marius Copil por 6/3 e 6/2. O sérvio o derrotou em quatro sets na última edição do US Open.

Também nesta terça, o suíço Stanislas Wawrinka, hoje apenas o número 66 do mundo, derrotou o russo Karen Khachanov, o 11º colocado no ranking da ATP, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (9/7) e 6/4, em 1 hora e 44 minutos. Wawwrinka disparou sete aces, um a mais do que o seu adversário, e agora terá pela frente o chileno Nicolas Jarry.

Número 8 do mundo, o austríaco Dominic Thiem decepcionou nesta terça-feira ao perder para o francês Pierre-Hugues Herbert (55º) por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/5.

Já o italiano Marco Cecchinato, o número 20 do mundo, aplicou 6/4 e 6/2 no ucraniano Sergiy Stakhovsky (134º) e terá pela frente o argentino Guido Pella na segunda rodada.

O espanhol Guillermo Garcia-Lopez, o lituano Ricardas Berankis e o sérvio Dusan Lajovic também triunfaram nesta terça-feira e estão garantidos nas oitavas de final do Torneio de Doha.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade