3 eventos ao vivo

Del Potro exalta apoio da torcida após virada histórica nos EUA

5 set 2017
14h01
atualizado às 14h01
  • separator
  • comentários

Juan Martin del Potro deu mais um exemplo de superação na noite desta segunda-feira. O argentino venceu o austríaco Dominic Thiem e avançou às quartas de final do Aberto dos Estados Unidos. Contudo, o triunfo teve sabor ainda mais especial, pois Delpo estava com febre e gripado, e mesmo assim conseguiu a virada de 0/2 para 3/2. O tenista disse que a conquista só foi possível graças ao apoio da torcida.

"Não sei como consegui ganhar. Fiquei doente nos últimos dias e tentei jogar o melhor que pude. Estava pensando em abandonar no meio do segundo set, porque não conseguia respirar e nem me mover bem. Thiem estava dominando muito facilmente. Mas, a partir do terceiro set, a história mudou muito. Comecei a ver a torcida e tirei energia deles. Foi o que eu fiz no final, apenas continuei lutando", disse.

Durante a carreira, Del Potro sofreu com inúmeros problemas físicos, principalmente no pulso, tendo que ser submetido a inúmeras cirurgias. Mesmo assim, o atleta conseguiu se recuperar e voltou ao circuito, sendo um dos principais nomes do tênis. O único Grand Slam que o argentino conquistou foi o Aberto dos EUA, por isso, exaltou a chance de fazer bonito no torneio mais uma vez.

"Joguei um dos jogos épicos da minha carreira aqui no US Open, que é meu torneio favorito, na frente de um grande público. Eu estava exausto após o último ponto do jogo, mas estou muito feliz por avançar. Tive uma batalha fantástica contra um dos melhores jogadores do circuito", finalizou.

Apesar de sair derrotado, Thiem não se incomodou com o fato de a torcida apoiar Del Potro, e destacou que não se vê muitos espetáculos como o desta segunda no tênis.

"A torcida estava ao seu lado, mas foi uma ótima atmosfera. Não jogamos todos os dias em um clima como aquele, então eu estava realmente gostando. O público não era injusto, então estava tudo bem", declarou o austríaco, que conquistou seu único título da temporada no ATP 500 do Rio de Janeiro.

Del Potro volta a atuar nesta quarta em busca de uma vaga na semifinal do Aberto dos EUA. O argentino deve ter uma missão ainda mais complicada, já que seu adversário será Roger Federer. O confronto marcará a reedição da final do torneio de 2009, quando Delpo levou a melhor sobre o suíço por 3 sets a 2 e sagrou-se campeão.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade