0

De volta após 6 meses, Serena vence na estreia em Lexington; Halep ganha em Praga

Tenista não jogava desde fevereiro, quando atuou pelo confronto entre Estados Unidos e Letônia pela Fed Cup

11 ago 2020
15h45
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Ex-número 1 do mundo e atual nona colocada do ranking da WTA, a americana Serena Williams teve dificuldades em sua volta ao circuito profissional após ficar parada por seis meses por conta da pandemia do novo coronavírus. Nesta terça-feira, em sua estreia no Torneio de Lexington, disputado em quadras duras nos Estados Unidos, suou para vencer de virada a compatriota Bernarda Pera, em 60.º lugar, por 2 sets a 1 - com parciais de 4/6, 6/4 e 6/1, em 2 horas e 16 minutos.

Serena Williams não jogava desde fevereiro, quando atuou pelo confronto entre Estados Unidos e Letônia pela Fed Cup, com uma vitória e uma derrota naquele final de semana. Ela começou a temporada de 2020 com um título em Auckland, na Nova Zelândia, em sua primeira conquista desde o nascimento da filha Alexis Olympia, em 2017. Depois disso, foi precocemente eliminada na terceira rodada do Aberto da Austrália.

O torneio em Lexington não vende ingressos para o público, mas Serena Williams teve nesta terça-feira a torcida do marido e da filha, que acompanharam o jogo na companhia do técnico Patrick Mouratoglou. Um recente protocolo, adotado também no Torneio de Palermo, na Itália, na semana passada, permite que jogadoras que já são mães possam levar os filhos e um responsável para a competição.

NA EUROPA

Pela sua estreia no Torneio de Praga, disputado em quadras de saibro na República Checa, a romena Simona Halep, número 2 do mundo, também sofreu para vencer. Sem ritmo por ter ficado seis meses sem jogar, precisou de 2 horas e 32 minutos para derrotar a eslovena Polona Hercog por 2 sets a 1 - com parciais de 6/1, 1/6 e 7/6 (7/3).

Na próxima rodada, já pelas oitavas de final, Halep terá pela frente a convidada local Barbora Krejcikova, que venceu a romena Patricia Maria Tig por 2 sets a 0, com as parciais de 6/4 e 6/3.

Quem também passou pela estreia foi a croata Petra Martic, que fez valer a condição de cabeça de chave número 2 e eliminou a russa Varvara Gracheva com as parciais de 7/6 (7/2) e 6/3. Na segunda rodada, enfrentará a checa Kristyna Pliskova, algoz da jovem Linda Fruhvirtova, de apenas 15 anos, com a vitória pelo placar de 6/2 e 7/5.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade