0

Coric bate Federer e vai à final do Masters 1000 de Xangai com Djokovic

13 out 2018
11h01
atualizado às 12h27
  • separator
  • comentários

Na manhã deste sábado, o croata Borna Coric conseguiu um resultado histórico. Assim como já havia feito em Halle, no mês de junho, o jovem de 21 anos bateu o suíço Roger Federer, garantindo assim vaga na final do Masters 1000 de Xangai. Em 1h13 de jogo, Coric conseguiu um duplo 6/4 para eliminar o bicampeão do torneio chinês e vencedor da edição passada.

Com o resultado, o croata agora enfrentará Novak Djokovic, que bateu o alemão Alexander Zverev por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/1. Além disso, Coric, que aparece na 19° colocação do ranking da ATP, saltará para 13°, mas mesmo que conquiste o título, não ficará entre os 12 primeiros.

Assim como já havia sido observado em partidas anteriores em Xangai, Federer começou o jogo um tanto instável, sobretudo no saque. No game de abertura, o suíço colocou apenas três primeiros serviços em quadra nos seis pontos disputados e cometeu três erros não-forçados, permitindo assim uma quebra ao seu adversário. Coric, por sua vez, sacava muito bem, cedendo chances em seus games de serviço.

O croata não enfrentou break-points e perdeu apenas cinco pontos em seus games de serviço, fechando assim o primeiro set em 34 minutos. Os dois tinham oito winners, e Federer tinha um erro a mais que Coric: nove contra oito. O que fez diferença, portanto, foram os 80% de primeiros serviços em quadra do jovem de 21 anos.

Na segunda parcial, Federer novamente teve seu serviço quebrado logo no início, enquanto Coric cedeu apenas dois pontos em seus dois games de saque. Federer ainda salvou um break-point com um bom saque quando perdia por 3/1 para evitar a quebra, situação que se repetiu dois games mais tarde. Sem conseguir estabelecer uma vantagem muito grande, Coric seguiu com seu ótimo desempenho no saque para fechar a vitória com um novo 6/4.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade